quinta-feira, 5 de novembro de 2009

JUIZ PEDE CASSAÇÃO DO DIPLOMA DO PREFEITO ANDERSON LUZ E VICE NELSON MAIA

O juiz Eleitoral da Comarca de Saúde Dr. Mauro de Sousa Pinto, pediu novamente a cassação dos mandatos eletivos do Prefeito de Ponto Novo Anderson Luz e do vice Nelson Maia.
Na qual cabe recurso da decisão. O Processo 313/2008 foi publicado nesta quinta-feira (05/11), considerando que os cargos de prefeito e vice-prefeito, respectivamente, e considerando que os candidatos eleitos e então cassados não obtiveram mais de 50% dos votos válidos, determina que seja diplomado o segundo colocado na eleição majoritária, certificado nas folhas 80 dos autos 346, Antonio Marcos Alves da Silva.
Sentença de execução imediata, ressalvada, apenas, a decretação da inelegibilidade eficácia, fica condicionada ao transito em julgado Crime eleitoral e/ou ato de improbidade administrativa.

Incêndio destrói equipamentos de rádio em Jaguarari

Por volta de uma da manhã desta madrugada (05), elementos não identificados queimaram o transmissor de 5 kW da radio liderança FM, juntamente com o aparelho de link que retransmite o sinal para a torre. A emissora do município de Jaguarari, é afilada a rede liderança de rádios. As primeiras evidências indicam que a quadrilha tinha conhecimento técnico do equipamento, e do perigo da alta tensão do transmissor com potência de 5 mil watts, pois desligaram o aparelho e o sistema de segurança da emissora (câmaras e linha telefônica) antes de incendiarem todo ambiente. Segundo a diretoria da rádio, os prejuízos financeiros superam a 100 mil reais.

Padroeiro quilombola viu palco, show e doação em tom maior

Nunca a orgulhosa negritude de Tijuaçu extravasou tanta diversidade cultural, como o seu Samba-de-lata e a Dança do parentesco. Entre Francimar Monteiro, Brega & Vinho e o encontro de seis blocos temáticos locais que envolveram 1.5 mil figurantes, a comunidade não sabe qual o melhor na festa anual ao seu padroeiro São Benedito.

O vereador Carlos Negão viu “o maior palco, o melhor som e a participação total” e Dona Edicácia achou que “bom foi ter escrituras de terrenos doadas pelo prefeito Paulo Machado” para ela e mais 13 famílias, mas o percussionista Castanha, da banda Mais que samba vibrou mesmo foi como músico e membro de sua pátria quilombola, “em alta” principalmente nos dias finais (30,31/10 e 1°11).

Outras atrações como Catendões do Forró, Alex e Banda e Cleomar do Arocha foram opção ao Parque de Diversões, pau-de-sebo, corrida- de-saco, torneio de futebol e brincadeiras criativas. Wesley e Igor, Neném Reis e Forrozão sem limite completaram a variada manifestação afro-sertaneja do distrito quase 100% negro.

Contente pela grandeza da festa e por fazer a doação oficial dos terrenos, o prefeito se mostrou solidário com os bons exemplos de Lula e de Wagner. “Trabalho para reduzir as desigualdades e melhorar o desenvolvimento do nosso município, como fazem o governador da Bahia e o presidente da nação”.

por ascom

Concurso da Embasa abre mais de 120 vagas em Bonfim

A Empresa Baiana de Água e Saneamento (Embasa) publicou edital para a realização de concurso público. Na unidade regional de Senhor do Bonfim estão sendo oferecidas 120 vagas, 111 para nível técnico e 9 para nível superior. As inscrições poderão ser feitas de 13 de novembro a 8 de dezembro, através do site da Cespe/UnB (www.cespe.unb.br). Para nível superior, o menor salário é de R$3.113,83 e o máximo R$4.091,60. Já para nível técnico, R$1.475,94 e R$1.886,80. O concurso contará com 2.270 vagas em todo o estado, e 1.620 delas para nível médio (2º grau), que não foram computadas por unidade regional da empresa. Neste caso, o salário pode variar de um mínimo de R$883,10 ao máximo, R$1.475,94. Estima-se que pelo menos 100 vagas de nível médio sejam direcionadas para Bonfim. O município é o quarto em número de vagas, levando em conta as 14 unidades regionais da empresa.

Os candidatos às vagas de nível superior devem ter formação em Direito, Administração de Empresas, várias áreas da Engenharia, Economia, Contabilidade, Relações Públicas, Jornalismo, Design Gráfico, Biologia, Química, Análise de Sistemas, Arquitetura, Serviço Social, Enfermagem do Trabalho, Medicina do Trabalho, Arqueologia e Ciências Sociais.

Para os cargos de nível técnico exige-se formação nas áreas de Contabilidade, Automação e Controle Industrial, Edificações, Eletromecânica, Eletrotécnica, Eletrônica, Enfermagem do Trabalho, Segurança do Trabalho, Manutenção Veicular, Meio Ambiente, Programação e Suporte de TI, Química e Saneamento.

Já os candidatos que concluíram o ensino médio podem concorrer a vagas para as funções de agente de manutenção, agente de medição, assistente de informática, assistente de laboratório, assistente de serviço administrativo, desenhista, eletricista, mecânico, monitor de obras e serviços, operador de processo de água e esgoto e operador de equipamentos pesados.

As provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, serão realizadas em Bonfim em outras 13 cidades, no dia 24 de janeiro de 2010, para todos os candidatos às vagas descritas no edital. A avaliação de títulos contará como pontos na classificação dos candidatos de nível superior. Provas prática e de esforço físico terão caráter eliminatório para algumas funções de ensino médio. O resultado está previsto para 17 de fevereiro de 2010.

O valor da inscrição é de R$ 40, para os cargos de nível médio, R$ 60, para os de nível técnico, e R$ 90, para as funções de nível superior. O pagamento deve ser feito até 10 de dezembro.

O prefeito Paulo Machado destacou que o concurso realizado pela empresa do governo estadual vai proporcionar mais incremento à economia bonfinense. “É mais uma mostra que nossa terra é um polo regional de serviços”, destacou. Com os mais de 200 postos de trabalho que serão criados, ganha o comércio, a indústria, o poder público, e sobretudo a população, com mais geração de renda.

por mettacomunicacao

PRF prende mais um dirigindo embriagado em Sr. do Bonfim‏

mais um condutor flagrado dirigindo sob efeito de álcool, sendo preso hoje ( 05/11/2009 ), às 03:00h, na BR 407, KM 117 ( área do Posto PRF - Sr. do Bonfim ): Trata-se de José Soares de Souza, 40 anos, agricultor, natural de Arapiraca - AL, e residente em Santa Maria da Boa Vista - PE.
Ele estava conduzindo o veículo Toyota Hilux, Placa JLJ-8685-BA, vindo de Barreiras com destino a Juazeiro - BA, após denúncia de usuário que o veículo vinha trafegando em "zigue-zague" na pista, o condutor foi submetido ao teste do etilômetro (Bafômetro), e constatado o índice de 0,87 Mg/L (miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões), sendo que o limite para não caracterizar crime de trânsito, é de 0,29 Mg/L.
Preso em flagrante, foi encaminhado para a Depol de Senhor do Bonfim - BA.

Insp. Lopes Júnior - Ch. do Núcleo de Policiamento e Fiscalização - Del. 10/04 - Sr. do Bonfim - Ba.

COISAS QUE ACONTECEM: Homem dado como morto aparece no próprio velório no Paraná

O pedreiro Ademir Jorge Gonçalves, 59 anos, foi dado como morto e apareceu no seu próprio velório, às 8h desta segunda-feira (2), feriado de Dia de Finados. Durante todo tempo em que foi dado como morto, Tufão estava no restaurante do Auto Posto Platina.

O local fica ao lado do lugar onde ocorreu o acidente onde supostamente Tufão teria morrido, na BR-153 em Santo Antônio da Platina (PR), na noite de domingo (1º). 'Ele passou a noite toda bebendo pinga com os amigos', disse a vendedora Rosa Maria Sampaio, 50 anos, sobrinha de Tufão.

Tufão soube que estava sendo velado pela família por meio de um amigo. 'O rapaz chegou correndo para avisar que estavam querendo sepultar uma pessoa como se fosse ele [Tufão], que ficou assustado na mesma hora. Ele saiu do restaurante para esclarecer a história.'

A vítima foi levada para o necrotério onde o legista fez os exames e já na funerária, familiares apareceram para fazer o reconhecimento do corpo. Alguns ficaram em dúvida, mas outros reconheceram o corpo como sendo de Tufão. A única que desconfiou que o cadáver não era do filho foi a mãe do defunto.

O gerente da funerária disse que até agora está amargando o prejuízo por organizar o velório do 'morto-vivo'. 'A família do Tufão foi quem providenciou o caixão e a cerimônia de sepultamento e velório. Depois de esclarecida a dúvida da identidade do morto, a família saiu do velório e foi para casa. Eu fiquei no prejuízo, porque não recebi pelo serviço.', disse Honorato.

Depois da confusão, a vítima do acidente foi reconhecida e levada para o sepultamento em Joaquim Távora (PR). Tufão, no entanto, teve problemas apesar de ter virado celebridade instantânea. O dono do imóvel em que ele morava queimou suas roupas e o colchão da cama onde dormia. E para comemorar o 'renascimento', Tufão retornou ao restaurante no mesmo dia para tomar pinga.

As informações são do G1

Proibido venda de medicamentos em bares, supermercados, lanchonetes etc.

Em cumprimento ao estabelecido na Lei Federal nº 6437/77, Art. 6º da Lei Federal nº 5991/73, a Secretaria Municipal de Saúde de Senhor do Bonfim, através da Divisão de Vigilância Sanitária( DIVISA), e Vigilância Sanitária local emiti nota, proibindo a comercialização de medicamentos em Supermercados, Mercados, mercearias, Bares, lanchonetes,bombonieres, restaurantes, armazem, distribuidora de alimentos,e similares. Já que estes estabelecimentos não são locais de comércio de medicamentos.A Lei prevê apreensão, multa e interdição do estabelecimento que descumprir a norma.

A medida visa controlar a venda indiscriminada de medicamentos, que é privativa de Farmácias, Drogarias, Posto de Medicamentos conforme o Artigo 5º da citada lei.