quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Mais um acidente na entrada de Igara


Na tarde de quinta-feira (17/12), outro acidente voltou a se repetir em um cenário que já serviu para a colaboração de acidentes leves a acidentes com vitimas fatais, trata-se do trecho na BR 407, precisamente entroncamento com a BA que liga Bonfim a Andorinha, ou como é conhecida a “entrada de Igara”, recentemente um carro chocou-se com uma motocicleta quando tentou entrar de vez sentido entrada de Igara, na ocasião o motoqueiro sofreu lesões leves nas pernas.
Já na tarde dessa quinta, mais um acidente aconteceu justamente no mesmo local, desta feita envolvendo um caminhão da NOVA SCHIN e um veículo SIENA, ambos vinha no mesmo sentido saindo da conhecida entrada de Igara, e mais uma vez graças a Deus ninguém ficou ferido.
O que na verdade gostaríamos de deixar aqui é a falta de atenção das autoridades a quem compete quanto à criação de um contorno no citado trecho, que vem se tornando palco de acidentes, e a comunidade se pergunta: “Até quando o poder público ficará de olhos vendados em relação a esse problema?”.





Foto do acidente com um carro e uma moto dias atrás no mesmo local

BARRAQUEIROS RECLAMAM DE MUDANÇA DA FEIRA


Após a inauguração dos pavilhões para comercialização de frutas e verduras os barraqueiros tiveram que desocupar a Praça Augusto Sena Gomes e montar seus negócios nos referidos pavilhões, que são divididos em 03.
Feirantes informaram a equipe OLHO NA NOTÍCIA “parceiro do blog”, que quem conseguiu ponto no primeiro pavilhão ainda consegui fazer algum tipo de negócio, já no segundo e terceiro pavilhão só vendem alguma coisa na sexta-feira e no sábado porque movimenta suas barracas para Praça Augusto Sena Gomes.
Também perguntamos para algumas pessoas que andavam no comércio de Senhor do Bonfim o que estavam achando da movimentação da feira para os pavilhões no mercado municipal, todos sem exceção falaram que ficou organizada, mas não iriam deixar de fazer suas feiras nos supermercados que além de vender fiado levam em suas residências sem custo algum e ainda não iriam levar sacolas pesadas do mercado municipal até a Praça dos correios.

Vigilância Sanitária continua Vacinando conta Raiva


Todos os cães e gatos acima de três meses de idade, inclusive as fêmeas que estiverem amamentando, prenhes ou no cio deverão ser vacinados. As seringas e agulhas são descartáveis. O dono do animal recebe um comprovante de vacinação do animal, que é válido por um ano.

Por que é preciso vacinar?
A raiva é uma doença transmissível de animal para animal e de animal para o ser humano, caracterizada pelo contágio direto, ou seja, pelas mordidas, arranhões ou lambedura de cães, gatos, morcegos ou outros mamíferos infectados.
Nos centros urbanos, cães e gatos, por terem o hábito de caçar, estão mais expostos, podendo entrar em contato com morcego infectado e, dessa forma, virem a contrair a doença.
A VISA vem por meio deste solicitar a todos os órgãos de imprensa desta cidade de Senhor do Bonfim, a divulgação sobre a continuação da Campanha de Vacinação Anti-Rábica, pois quem ainda não vacinou o seu cão ou gato, favor dirigir-se até a Vigilância Sanitária localizada na praça nova do congresso nº 20 (Casarão) para que o seu animal esteja prevenido de tal doença.


Maiores Informações: (74) 3541 8303

Ministério da Saúde lança campanha nacional sobre o crack


O Ministério da Saúde lançou, ontem (16), a Campanha Nacional de Alerta e Prevenção do Uso de Crack, iniciativa inédita para prevenir o consumo da droga, que é derivada da cocaína e possui alto grau de dependência. Com o slogan Nunca experimente o crack. Ele causa dependência e mata, a campanha estará a partir de hoje nas principais emissoras de televisão e rádio do país, na internet, em jornais, revistas, nos cinemas e nas ruas.
A veiculação da campanha seguirá até o dia 31 de janeiro. O público-alvo são jovens de 15 a 29 anos, de todas as classes sociais. O alerta também servirá para pais, educadores e formadores de opinião em geral.

Apreendidas 20t de cebolas e caminhão


Uma carga com 20 toneladas de cebola foi apreendida na zona rural do município de Jaguarari com Adaílton dos Santos Ribeiro e Edvânio Valdemar Damazio, surpreendidos por investigadores da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR/Juazeiro) naquela localidade.
Além da carga roubada, os policiais recuperaram o caminhão Mercedes Benz, de placa KIA-4388, que transportava as cebolas, nas proximidades do Distrito de Juremal, em Juazeiro.
De acordo com o delegado Nélio Ferreira Neves, titular da DRFR/Juazeiro, a carga pertencente à empresa Vale do Sol foi subtraída por quatro homens na noite da última sexta-feira (11). Os comparsas de Adaílton e Edvânio estão sendo procurados pela polícia.
Os dois assaltantes presos tinham mandados de prisão preventiva em aberto, expedidos pelo juiz Eduardo Ferreira Padilha, da Comarca de Casa Nova.