segunda-feira, 12 de abril de 2010

Campo Formoso: Gestão Apagão

Em uma entrevista concedida a uma rádio local na última sexta-feira(09) a prefeita de Campo Formoso despertou um clima de insegurança na cidade, durante todo discurso a gestora enfatizou a carência de recursos financeiros decorrente da queda no repasse do FPM (Fundo de Participação dos Municípios).

No final do ano passado a Câmara Municipal realizou audiências públicas com o objetivo de discutir o orçamento para o ano de 2010, na ocasião foram relatadas as dificuldades que o município poderia enfrentar caso fosse aprovado um orçamento não adequado a realidade. O orçamento foi votado após as audiências e conversas entre o Poder Executivo e o Poder Legislativo.

Mesmo com o orçamento em mãos, quando questionada sobres os festejos juninos a prefeita respondeu: “se tiver dinheiro haverá festa, caso contrário não haverá”. Diante desse argumento fica visível a que ponto chegou à administração municipal. Poderíamos denominar a “gestão apagão” haja vista que não existe planejamento nem para prazos curtos.

Mas para os festeiros de plantão esse é uma boa notícias pelo menos poderão ficar na expectativa, já os moradores de Tuiutiba terão que se acostumar uma a estrada que não agüenta uma chuva, a chefe do executivo prometeu conseguir recursos para fazer reparos em uma estrada que a muito tempo deveria está asfaltada.


Henrique Levi