sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Bonfinenses reclamam de orelhões quebrados na cidade

Mesmo sendo a era do telefone celular, muitos bonfinenses ainda precisam do orelhão público para se comunicar. Mas o que se encontra nas ruas de Senhor do Bonfim são orelhões quebrados ou em mau estado de conservação.

Uma equipe do MAICON NOTICIAS percorreu as ruas do Centro e o que encontrou foi o abandono dos orelhões e a indignação dos usuários. Na Rua Floriano Peixoto, dois telefones públicos estão com defeito. Quem precisa fazer uma ligação de emergência não consegue tão rapidamente.

Na Praça Dr.José Gonçalves, de quatro orelhões em um ponto, apenas dois funcionam. Um motoboy que passava afirmou que teve que andar mais do que 500 metros para encontrar um telefone público sem problemas.

Na Praça Dr.Antônio Gonçalves, a equipe observou a mesma dificuldade. Uma pessoa, que é usuária de orelhões, reivindica: “Eu sempre ando bastante para poder achar um telefone que eu consiga falar. Quem não tem condições de ter um celular fica esquecido”.

E na Praça de Alimentação os dois únicos orelhões não estão funcionando uma vendedora dos box disse: "Isso é falta de vergonha aqui tem brigas, roubos. As vezes pessoas passando mal e para ligar para Policia, Samu é um sacrifício tem que pedir pessoas que estão passando".

Por MAICON NOTICIAS