segunda-feira, 1 de março de 2010

Operação das polícias Civil e Militar de Cansanção, resulta na apreensão de 100 Kg de maconha



Em blitz realizada pela polícia na estrada que liga a sede do município de Cansanção ao povoado de Cacimbas, a polícia perseguiu um veículo Fiat Palio Weekend, cor prata, placa policial COS 5674 licença de São Paulo, os traficantes que conduziam o veículo ao perceber a aproximação do carro da polícia no ato da perseguição, abandonaram o automóvel e fugiram para um matagal. No interior do Fiat Palio a polícia encontrou cincos sacos de maconha pesando cerca de 100kg.

Até o presente momento os traficantes ainda não foram presos, mas segundo informações da polícia civil, nos próximos dias serão realizadas várias operações na região de Cacimbas no sentido de combater o tráfico de drogas naquela localidade.

Projeto de César propõe redução de idade para isenção de IR dos aposentados

O senador César Borges (PR) apresentou um projeto reduzindo para 60 anos a faixa etária a partir da qual idosos ficam isentos do pagamento do IR incidente sobre os rendimentos provenientes de aposentadoria e pensão. A proposta está na pauta da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) de hoje, e pode ser aprovada em decisão terminativa, dispensando votação em plenário. Hoje, a isenção é concedida apenas aos aposentados com idade a partir de 65 anos.

Aluguel de casas para o São João

O Governo cuidando da nossa gente através da Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo estará cadastrando casas para serem alugadas no período do São João. Um serviço gratuito designado pelo governo com intuito de equivaler a sua divulgação no site da prefeitura. Interessados comparecer ao setor de indústria comércio e turismo.
Governo Cuidando da Nossa Gente.

Caxixis e berimbaus soaram na capoeira cultural em Senhor do Bonfim

Evento de grande expressão para os capoeiras da Bahia, encerrou-se ontem (28), a 3ª Jornada Cultural da Associação de Capoeira de Senhor do Bonfim.

Desde a sexta à noite, quando ocorreu o lançamento da 10ª edição da Revista UNIÃO CAPOEIRA, a cidade foi tomada por um mundo de gente vestida de abadás brancos, portando caxixís, pandeiros e berimbaus.

Capoeiristas venerados como o Mestre Pelé, o Mestre Gari e o Mestre Paizinho, ou famosos como o versátil Tonho Matéria, participaram no sábado de palestras de Aconselhamento e Flexibilidade em plena Praça Nova do Congresso. Mais de 300 jovens, principalmente os da ginga da capoeira, ouviram a conferência da Psicanalista Drª. Sâmara Almeida prevenindo contra pedofilia, drogas e perversões outras, nocivas à sociedade,

Paranauê

As rodas de capoeiras estiveram lado a lado em todos os ambientes montados pelo Mestre Carlinhos e seu parceiro de organização, o Mestre Viola. Ontem, último dia, a despedida foi feita por quase 300 capoeiristas no Ginásio de Esportes do Estádio Pedro Amorim. Contramestres e aprendizes não escolhiam qual a cor do cordão do próximo adversário. Queriam roda pra vadiar.

Mestre Paizinho (48) suado, alegre e encantado disse ao repórter: “nem precisa botar meu nome, basta dizer que num dia desse tem um jacobinense feliz”. Saiu e foi pro pé do berimbau, onde já chegou auxiliando o refrão: “Paranauê / paranauê, paraná”. Lá estavam crianças, mulheres, cantores, músicos, professores, fãs e fanáticos de todas classes sociais, prontos a se igualar nos golpes, martelos e aús.

Mestre Carlinhos começou a citar quem veio: “mais de 40 capoeiras só de Salvador; um ônibus é só pra Mairi, Jacuipe e Capim Grosso; de Juazeiro, Morro do Chapéu, Rio de Janeiro, Feira de Santana, Rui Barbosa só sei pelos mestres”. Ele desistiu de contar, mas ao seu lado, o Mestre Aranha (da Missão) e outros do Quicé, Caco de Telha, Queimadas ajudaram. Só na refeição do Kolping tinham uns 220 visitantes.

Tonho Matéria

Entre o toque lento (são-bento-grande) e o rápido (são-bento-pequeno) das vozes e percussão, Tonho Matéria cedeu entrevista: falou da capoeira como dança, como luta, e como aperfeiçoamento de corpo e mente. Enquadrou o entretenimento como esporte, cultura e filosofia... Defesa e ataque, manha e mandinga e “por que não, ideologia e até religião”. Ele, como de costume, mal chegou da África e já voa ainda essa semana para a Europa. “Vou à Grécia e mais uns oito países”. Seu excelente bate-papo será brevemente veiculado, na íntegra.


Assessoria de Comunicação Social

Receita Federal começa a receber declaração do IR hoje


A Receita Federal começa a receber nesta segunda-feira (1º) a declaração do IRPF (Imposto de Renda Pessoa Física) de 2010, ano-base 2009. Está obrigado a declarar o contribuinte que recebeu rendimentos tributáveis superiores a R$ 17.215,08 ou recebeu rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados na fonte que ultrapassem R$ 40 mil. O programa de entrega estará disponível na internet a partir das 8h no site do órgão. O contribuinte tem até o dia 30 de abril para fornecer os dados. A expectativa da Receita é receber 24 milhões de declarações neste ano. No ano passado, foram entregues 25 milhões.

PEC isenta IPVA para motos

A isenção vale para o período de 2007 a 2012. Após aprovada, a medida anistiará o pagamento das mesmas taxas desde 2003. A proposta foi é defendida pelo Sindmotos da Bahia.

Está tramitando na Câmara Federal a Proposta de Emenda Parlamentar (PEC 158/07) de autoria dos deputados Osmar Júnior (PI) e Daniel Almeida, ambos do PCdoB, que isenta motocicletas de até 150 cilindradas do pagamento de taxas de licenciamento e emplacamento e do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

Com a medida, os parlamentares acreditam que beneficiará as camadas mais pobres da população. Daniel lembra que as motocicletas de baixa cilindrada são muitas vezes meio de vida para essas pessoas, principalmente nas cidades menores e na zona rural.

O deputado Osmar Júnior afirma que a maioria dos proprietários desses veículos está em situação irregular por não poder pagar os tributos incidentes sobre eles. "Existe uma estimativa de que em São Paulo, entre cerca de 1 milhão de motocicletas, apenas 800 se encontrem em situação regular. Para efetivar a regularização, com emplacamento e licenciamento, o custo pode chegar em média a R$ 600, mesmo no caso de veículos cujo valor não passa dos R$ 5 mil. Isso impede que a maioria dos proprietários regularizem sua situação", afirma.

A proposta será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania quanto à sua admissibilidade . Caso seja aprovada, será avaliada por comissão especial.