segunda-feira, 19 de abril de 2010

Bonfim vai a Fórum Estadual de Políticas para as Mulheres, vira referência e concorre a prêmio

Após participação no II Encontro do Fórum Estadual de Gestores de Políticas para as Mulheres do Estado da Bahia, ocorrido em Salvador nos dias 15 e 16 de abril, o município de Senhor do Bonfim se destacou como referência e busca agora habilitar-se ao “Prêmio Lélia Gonzalez”, instituído como incentivo à implantação dos objetivos do conclave.
O Fórum composto por 22 municípios do Estado da Bahia distribuídos em dez Territórios de Identidade, deu vazão a um vasto programa de promoção de campanhas, encontros, seminários, audiências públicas e ações coordenadas para a implantação municipalizada de políticas para as mulheres.
As representantes, Maria José Alves Canário e Vera Duarte, ambas da Secretaria de Assistência Social do governo Cuidando da Nossa Gente, demonstraram o estágio organizativo e implementador de políticas para as mulheres e foi recomendado como referência por diversos setores do fórum. Nas discussões centrais de combate à violência contra a mulher e noutros processos de agenda comum a representação bonfinense também pôde confirmar a atenção do município ao setor de políticas públicas priorizadas pelo II Encontro.
Os bons requisitos habilitaram Senhor do Bonfim a novas conquistas. Pode, por exemplo, receber o Prêmio Lélia Gonzalez, de valor superior a R$10 mil, bastando para isso que: prepare uma lista de artesãs territoriais até o dia 23/4; que até esta data envie à Sepromi o nome da facilitadora a receber treinamento para capacitação da rede territorial; e que o Projeto “Homens Unidos” seja desenvolvido durante o mês de maio, com o relatório específico enviado até o dia 30/05.
Segundo Maria José Canário, as três missões já estão sob a coordenação de Fátima Brasileiro, chefa da pasta da Assistência Social e a missão de ganhar o cobiçado Prêmio Lélia Gonzalez é “bastante provável”.
Governo Cuidando da Nossa Gente
Assessoria de Comunicação Social