sábado, 24 de julho de 2010

CALÇAMENTO JÁ!!! QUEREMOS RESPOSTAS SENHOR PREFEITO


MAIS UMA VEZ NÓS MORADORES DA RUA VITOR REIS NO BAIRRO NOVO HORIZONTE GOSTARÍAMOS DE SALIENTAR O QUE ACONTECE FORA DOS BASTIDORES DA COMUNICAÇÃO BONFINENSE.

QUE COISA ABSURDA! NAS PRAÇAS E RUAS DO BAIRRO AS NOSSAS REIVINDICAÇÕES JÁ SOAM (POR ALGUNS GRUPOS) COMO MANOBRAS DA OPOSIÇÃO PARA SEREM USADAS CONTRA O GESTOR MUNICIPAL.

GOSTARÍAMOS DE DEIXAR BEM CLARO QUE NÃO TEMOS O MENOR INTERESSE EM FAVORECER NENHUM GRUPO POLÍTICO COM ESSAS REIVINDICAÇÕES, QUEREMOS APENAS QUE O NOSSO PREFEITO ADMINISTRE AS VERBAS PÚBLICAS EM OBRAS DE ESTREMA URGÊNCIA, E NOSSA RUA DEMONSTRA ESSA NECESSIDADE. (OU AS FOTOS MENTEM?)

NÃO ESTAMOS TAMBÉM QUERENDO AMENIZAR AS REIVINDICAÇÕES JÁ REALIZADAS ATÉ O MOMENTO, QUEREMOS SIM NOSSA RUA CALÇADA.BASTA DE HIPOCRISIA!!!!

ASS. COMISSÃO DE REIVINDICAÇÃO PELO CALÇAMENTO DA RUA VITOR REIS NO BAIRRO NOVO HORIZONTE

Calamidade no Santos Dumont





Venho através desta informar a toda a população a falta de atenção, das autoridades públicas com o Bairro Santos Dumont, mais especifico na Rua Carlos Gomes, que a nos os moradores sofre com o esgoto a céu aberto, por falta de saneamento básico, o que ocasiona em doenças.
Por muitas vezes, após procurarmos o prefeito (nessa Adm. e em outras passadas), recebemos a informação que quando a rua foi calçada, foi desviada a verba da rede de esgoto... isso já sabemos a tempo... Queremos solução...
Outro mistério... Já que o bairro foi calçado, toda a primeira parte a cerca de 20 anos atrás, porque a cerca de 03 anos foi feita somente a rede de esgoto até a rua do Vereador Bel??? Que se julga ser o vereador do Bairro.

Foi divulgada a pouco tempo uma série de obras que será feita pela nossa Prefeitura Municipal, que tem como nosso funcionário maior o Sr. Prefeito Paulo Machado, e não tem nenhuma obra destinada ao Bairro Santos Dumont, cadê prefeito nossas obras prometidas ao vivo em rádio?

Não me esqueço que sempre seu partido teve um dos maiores índices de aceitação em nosso bairro... será que isso não significa nada??

Queremos nada mais do que nosso direito que é o saneamento básico, que nos garante a lei.


Atenciosamente,
João Paulo Sena

Jovem morre vítima de acidente em Ponto Novo

Na tarde do dia de ontem, dia 23, mais uma pessoa morreu vítima de acidente ocorrido entre uma moto e um caminhão pipa na zona rural de Ponto Novo. A vítima "Nem de Juvenal" com idade aproximada de 24 anos, conduzia sua moto com destino a localidade de Várzea da Pedra/Capim, transportando ainda na garupa sua esposa, grávida de 04 meses, que sofreu leves escoriações. O acidente aconteceu em uma curva após o aterro sanitário de Ponto Novo e "Nem de Juvenal" teve morte imediata. O motorista do caminhão pipa, mesmo sem aparentar culpa, evadiu-se do local

Ainda no local do acidente, o corpo estava no meio da estrada ao lado de uma intensa mancha de sangue cercado por populares e familiares, emocionados com desespero da mãe Laide.

"Nem de Juvenal" era muito conhecido em Ponto Novo pelas suas peripécias com motocicletas. Era também constantemente autuado pela polícia por condução perigosa nas ruas de Ponto Novo, teve algumas vezes suas motos recolhidas a delegacias.

(Escrito por Arnobio Carneiro)

NOTA DE REPÚDIO


Boletim SINTERP - Sindicato dos Trabalhadores em Rádio, TV e Publicidade da Bahia - Nº 120 - 23/07/2010


NOTA DE REPÚDIO

Técnico volta a mostrar suas garras
O SINTERP-BA E a ABCD declaram o seu repúdio à agressão sofrida pelo radialista Roque Santos e outros profissionais da crônica esportiva baiana que, ao realizar seu trabalho na partida entre Vitória e Goiás, no estádio Manuel Barradas (Barradão), em Salvador, no dia 21 de julho, levou socos e pontapés do técnico e de alguns jogadores da equipe do Goiás.



Dever de informar
Gostaríamos de lembrar que o radialista deve ser respeitado e gozar de liberdade para a realização do seu trabalho. Nenhum dos esportistas foi desrespeitado, uma vez que o profissional estava apenas fazendo perguntas ao técnico, ato necessário para informar o ouvinte. É papel do repórter fazer perguntas, da mesma maneira que é papel de um técnico responder ou não a tais perguntas. Nada justifica a agressão. O radialista, ao fazer perguntas, cumpre com o seu dever de informar, trabalho este que é imprescindível para a sociedade, pois é assim que o ouvinte, em tempo real, fica sabendo dos acontecimentos.
Os profissionais não podem estar sujeitos aos humores de quem quer que seja. Os radialistas têm o direito de bem informar a sociedade, exercendo o seu trabalho e sendo atendidos pelos entrevistados com educação e cordialidade.

No Barradão
O SINTERP-BA (Sindicato dos Radialistas e Publicitários da Bahia), através de seu coordenador, Everaldo Monteiro, juntamente com o presidente da ABCD (Associação Baiana de Cronistas Desportivos), Márcio Martins e alguns outros profissionais da crônica esportiva informaram o comando da Polícia Militar da Bahia sobre a agressão. A PM agiu prontamente e convocou os acusados a depor e prestar os devidos esclarecimentos ainda no estádio.
O radialista Roque Santos acusa os agressores de lesão corporal, danos morais e reivindica indenização. Depois de prestar queixa, Roque Santos seguiu para o Instituto Nina Rodrigues para fazer o exame de corpo de delito.

Compromisso do SINTERP-BA
O SINTERP-BA (Sindicato dos Radialistas e Publicitários da Bahia) fiel ao seu dever de defender o direito do trabalhador, coloca o corpo jurídico do sindicato à disposição do colega Roque Santos e outros trabalhadores para as providências necessárias.

RESPEITO AO RADIALISTA PROFISSIONAL NO
EXERCÍCIO DAS SUAS ATIVIDADES

PM REALIZA OPERÇÃO BLITZ 100

POLÍCIA MILITAR DA BAHIA
COMANDO DE OPERAÇÕES POLICIAIS MILITARES
DATA DA OPERAÇÃO; 23 DE JULHO DE 2010 DAS 15HORAS ÀS 18HORAS

RELATÓRIO DA OPERÇÃO BLITZ 100

Cidade Local (bairro/rua) Efetivo empregado Tipo de Policiamento Carros abordados Motos abordadas Pessoas abordadas Carros apreendidos
SEDE Bonfim II 23 Motorizado 9 8 22
SEDE Imediações do Posto Itamaraty 24 Motorizado 43 35 138
SEDE Rua Carrapichel 26 Motorizado 10 27 42
SEDE Bonfim III 25 Motorizado 115 38 291
TOTAL 98 177 108 493 0

Senhor do Bonfim, 23 de Julho de 2010
IULO LINS SILVA – MAJ PM
Coordenador da CPO

DENÚNCIA = Nova Lei municipal!!

Como cidadão atento a todos os posicionamentos do nosso excelentíssimo prefeito, fiquei muito satisfeito com o projeto de Lei n° 015/2010, sancionada pelo mesmo, que se refere a circulação de animais caninos de grande porte próximos a instituições educacionais, tanto públicas ou particulares da nossa cidade. Suponho eu que o nosso atento prefeito tenha observado o perigo que tem sido certas raças de cães, que são consideradas agressivas e perigosas, circulando por nossa cidade de forma "natural". Quantas vezes já vimos em noticiários nacionais, ataques de algumas raças perigosas de cães a pessoas indefesas como idosos e crianças, e até mesmo aos seus próprios donos, levando os mesmos a óbito! Só depois de haver mortes nestes casos é que as autoridades públicas tem se posicionado a circulação destes animais, obrigando o uso de correntes, mordaças ou focinheiras. Estamos vendo que o nosso prefeito está se antecipando ao ÓBVIO, que é o ataque de grande proporções, destes animais na nossa cidade. Mas fica a pergunta: será mesmo que está lei entrará em vigor de forma severa para aqueles que se fazem de "desavisados"? Tenho visto nesta cidade, muitas pessoas passeando no centro da nossa cidade com cães de raças perigosas como Pit-Bull e Rottweiller sem tomar qualquer cuidado exigido na lei, pondo em risco a vida de muitas pessoas; e aqui vai a minha denúncia: Tenho visto pessoas SOLTANDO (no sentido mais literal da palavra!) animais destas raças e também de outras raças maiores e agressivas para dar um "passeio" na madrugada, próximo a locais em que se exige grande cuidado, como o Hospital Dom Antônio Monteiro. Quero deixar claro que NÃO sou contra a criação de qualquer raça de cães, mas sou adepto do bom senso com relação a perigo que algumas raças de cães trazem a sociedade. Espero que haja uma atitude ostensiva na aplicação desta lei.
Obrigado!!

Por: Vitor Paulo Oliveira Neto
Leitor.

Pavimentação - Bairro Novo Horizonte

Manifesto a favor do calçamento do bairro Novo Horizonte

Como morador do bairro, estou aqui para reforçar a campanha referente ao calçamento do bairro Novo Horizonte, bairro este que cresce em ritmo bastante acentuado, e nós moradores sofremos sempre com as ruas não pavimentadas: se faz calor e não chove a poeira toma conta de nossas casas, causando problemas respiratórios, principalmente em crianças; se chove, a lama impede o transito de veículos e em alguns locais até o de pessoas. Peço ajuda a todos moradores do bairro, ou não, que reforcem esta campanha, todos tem a ganhar

Diogo José - Professor do Instituto Federal Baiano, Campus Senhor do Bonfim