quinta-feira, 14 de outubro de 2010

DISTRIBUIÇÃO DE BRINQUEDOS DA CAMPANHA "FAÇA UMA CRIANÇA SORRIR"


A equipe do CRAS/ PETI em parceria com a Secretaria de Assistência Social e a Prefeitura Municipal, iniciou no último mês de Agosto a campanha “FAÇA UMA CRIANÇA SORRIR” com objetivo de arrecadar brinquedos novos e usados junto à comunidade de Caldeirão Grande, para serem doadas às crianças carentes da zona rural.
Os pontos de arrecadação foram: Secretaria Municipal de Assistência Social, CRAS, PETI, Séc. de Educação, Colégio Nossa Senhora do Perpetuo Socorro, Escola Ponto de Partida, Agromac e Padaria Daniela.
Cerca de 150 brinquedos foram arrecadados e doados as comunidades de São João, Quixadá e Água Branca.
A entrega foi realizada no dia 13 de outubro (quarta feira) as 14h00min com um clima de muita alegria, pelos representantes: Secretaria de Assistência Social João Carlos, Danilo Conceição da Silva CRAS, o Coordenador João Domingos e Paula Lima representando o PETI.
O projeto pretende oferecer um momento de alegria através dos brinquedos, transformando a realidade de crianças carentes em possibilidade de esperança por meio da segurança de acolhida proporcionada pela magia do brincar.

Por - Diego Santos
Fotos - CRAS

Parabéns para todos os Professores!!!!‏


Nosso agradecimento por repartir seus conhecimentos, colocando em nossas mãos as ferramentas como asas, as quais abriremos novos horizontes, rumo à satisfação plena dos ideais humanos e profissionais. FELIZ DIA DO PROFESSOR.

Esta mensagem foi enviada por um aluno para mim e gostaria de dividir com Você Professor! Muitas Felicidades para Vocês.

Luciane Silva (leitora do blog)

SEI confirma: “Localidades pertencem a Senhor do Bonfim”

Declaração da SEI (Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia) oferecida ao prefeito Paulo Machado confirma que as localidades de Diogo, Antas, Lagoa do Mateus, Parte de Catuni e parte de Pedra Vermelha estão inseridas no município de Senhor do Bonfim. Oportunamente Paulo Machado enviará expediente ao prefeito Antonio do Nascimento, de Jaguarari, propondo uma devolução planejada da administração dessas comunidades, criando-se comissões de ambos os municípios para a operacionalização das medidas conjuntas que serão tomadas.

Relembrando – Ao constatar, dia 4/10, junto à SEI que as comunidades acima relacionadas situam-se na geografia de Senhor do Bonfim e não na de Jaguarari, o chefe do Poder Executivo bonfinense Prefeito anunciou três medidas a encaminhar: 1) solicitação oficial ao prefeito Antonio do Nascimento de devolução das áreas, 2) criação de uma mesa para negociar a passagem dos equipamentos e áreas à administração municipal bonfinense e 3) marcar audiência junto ao coordenador do Censo Ibge/2010 para garantir que contagem da população desses povoados para Senhor do Bonfim.

Proselitismo – A posição da SEI, assegurada ontem (dia 13) ao prefeito, em reafirmação à sua pesquisa anterior e pleito de regularização das áreas não altera a disposição do gestor de Bonfim. O assunto discutido já além das fronteiras municipais, circula na mídia regional, divide opiniões nas ruas e tem sido mote para proselitismos intelectuais em comunidades de bonfinenses, na internet.

Abordado, o prefeito Paulo Machado afiançou que nada se alterou de uma semana pra outra. “Estou reivindicando a integração de terras municipais de Senhor do Bonfim à administração pública, desde o momento que constatei que os povoados nos pertencem. As propostas que inicialmente lancei, de negociar a transição administrativa dessas áreas, estão integralmente mantidas, em relação às gestões junto ao prefeito Antonio do Nascimento e também junto à Coordenação do Censo do Ibge, em Bonfim, cujas providências estão em curso, com minha participação pessoal e empenho da Prefeitura”.


ASCOM

Comunidades bonfinenses recebem “orelhões”


Por determinação da Agência Nacional de Telecomunicações – ANATEL, quatro localidades da zona rural de Senhor do Bonfim acabam de ser contempladas com telefones de uso público – TUP, ou “orelhões” como são popularmente conhecidos: Cazumba I, Lagoa do Peixe, Quebra Facão, assim como o PSF do distrito de Missão do Sahy. Nas três primeiras, os equipamentos já se encontram em pleno funcionamento; na última, aguarda-se ainda a instalação do aparelho, o que deverá ocorrer nos próximos dias.

A ação da ANATEL atende a um pleito do prefeito Paulo Machado, apresentado em agosto de 2009, em que o Chefe do Executivo Municipal propunha a implantação de telefones públicos em diversas localidades do município bonfinense.

Quanto às localidades que não foram atendidas, por falta de enquadramento no atual perfil exigido pelo Órgão de Comunicação, a Agência informou, através da gerente Irani Cardoso da Silva, que se encontra em fase de análise, um plano de meta de universalização para atendimento a localidades com menos de cem habitantes, o que abre possibilidades para que num futuro próximo muitas comunidades do nosso município possam ser servidas com sistema de telefonia pública.

ASCOM

“Município está brincando com a câmara”, diz vereador

Os nove vereadores que participaram da sessão que aconteceu nesta quarta-feira (13), na câmara de Senhor do Bonfim, ficaram surpresos com declarações do vereador Gustavo Miranda (PCdoB). Com os braços erguidos e segurando nas mãos dois documentos, em voz alta, o vereador disse “estão querendo brincar com essa casa. Como é que o município manda pra cá um modelo de gestão que foi copiado de um hospital do Ceará. Plagio é crime, e nós iremos denunciar no Ministério Publico”, os demais vereadores ficaram em silêncio, nem mesmo o líder do governo quis rebater a denuncia do vereador Gustavo Miranda.

Por Ivan Silva

Vereador vai sugerir CPI das Obras


As palavras mais fortes proferidas ontem na sessão da câmara partiram de onde ninguém esperava. “a intervenção do hospital aconteceu na gestão do ex-prefeito Carlos Brasileiro. A câmara deu um prazo de dois anos de intervenção porque sabia que o prefeito tinha responsabilidade e tinha pulso. A câmara sabia como era o modelo de administração do ex-administrador daquela casa. Mais hoje, nós não podemos conceder o mesmo prazo de intervenção ao município, porque não sabemos como aquela casa está sendo administrada, e também não sabemos se o atual gestor tem pulso”, disse Ivan Barbosa.

Logo após suas palavras, o vereador revelou para o nosso site que aquele era um novo Ivan, “começo hoje uma nova fase na minha vida, nas próximas sessões vou pedir CPI das obras, eu sei onde as cobras dormem”, revelou Ivan.

Por Ivan Silva

“Exoneração do Administrador da Igara foi ato de rotina”, declara o Prefeito Paulo Machado


O prefeito Paulo Machado declarou que a exoneração do administrador da Igara, que será substituído pelo Sr. Petronílio, que já administrou a Igara por indicação do vereador Ivan Barbosa, no início do governo, é fato normal em qualquer administração:

“Quero preservar o ex-administrador, que se encontrava desgastado e vinha sendo alvo de constantes acusações públicas. Comuniquei o fato ao vereador Ivan Barbosa, que me pediu para esperar até as eleições, no que concordei”, afirmou o prefeito. “Estranho quando o vereador Ivan Barbosa reage desta forma, colocando-se como vereador de oposição, e agredindo-me em seu discurso. Sempre o tratei com lhaneza e o respeitei, o que não foi demonstrado por ele na última sessão da Câmara. Pensando bem, a exoneração do administrador permitirá ao Executivo Municipal ter maior visibilidade em Igara, porque até hoje sempre se propalou que tudo o que ocorria na Igara era unicamente ação do vereador Ivan Barbosa. Para o prefeito só sobravam as coisas que ainda não se conseguiam fazer, as coisas ruins. Um administrador tem de estar alinhado com o prefeito, ele representa o prefeito na localidade e não apenas o vereador”.

Decisão adiada – Continuando, Paulo Machado acrescentou: “Diz o vereador que pedirá CPI das obras. Nosso governo é transparente, ele sabe disto porque uma empresa de um seu familiar tem construído no município, ganho algumas licitações, ele pode afirmar sobre a correção de nossas ações, a lisura dos procedimentos. Desfaça-se o equívoco de que a exoneração do administrador se deu por causa de resultado de eleições, vínhamos há alguns meses adiando a decisão. Afinal o deputado federal eleito Afonso Florence é do PT, e foi apoiado também por Rê, do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, sindicato que é muito forte na região da Igara e já prevíamos o resultado obtido, o mérito é de todos os que levantaram a bandeira de Afonso”, concluiu o gestor.

ASCOM

CAMPEONATO BAIANO DE BASQUETE SUB 22


Depois de ter estreado no Campeonato baiano 2010 com vitória, a equipe sub 22 da Liga bonfinense/PMSB viajará este final de semana para cumprirem dois compromissos importantes, no sábado dia (16/10), às 16h00min horas no CEFET enfrenta a forte equipe Academia TBJ/SALVADOR, já no domingo às 10 horas em Camaçari enfrenta a Seleção de Jequié.

A equipe bonfinense vai em busca de mais duas vitórias para confirmar o bom momento vivido pelo nosso basquete, que participa este ano do Campeonato baiano com as equipes sub 17 atual campeã baiana e que lidera a competição em 2010, a equipe adulta que está na terceira colocação, e a equipe sub 22 que está em segundo lugar.

Lembramos também que o basquete bonfinense é o atual hexa campeão do Zonal da Região Norte dos Jogos Abertos do interior, e está classificado para as finais deste ano que acontecem de 12 a 15 de novembro na cidade de Vitória da Conquista.

É o basquete representando muito bem o esporte bonfinense.



Alberto Longuinho/LBB

Greve dos bancários termina, com exceção da Caixa Econômica Federal


Depois de duas semanas, os bancários votaram em assembleia na noite desta quarta-feira (13) pelo fim da greve. Mas as agências da Caixa Econômica continuam fechadas.

Os bancários retornam ao trabalho já nesta quinta-feira, segundo o Sindicato da categoria. Somente os funcionários da Caixa Econômica Federal não aceitaram a proposta recebida e mantém a paralisação por tempo indeterminado.

Os funcionários dos bancos privados foram os primeiros a aceitar a proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e decidir voltar ao trabalho. Na votação para os funcionários dos bancos públicos, Banco do Brasil e Banco do Nordeste decidiram também pelo fim da paralisação. Já os trabalhadores da Caixa Econômica Federal mantém a greve.

Propostas

Representantes do Banco do Nordeste apresentaram nesta quarta nova proposta de reajuste salarial para os seus funcionários - 7,5% sobre todas as verbas salariais. O valor é similar à última proposta apresentada pela Fenaban - 7,5% para quem ganha até R$ 5.250, o que representa ganho real de 3,1% e aumento de 16,3% nos pisos para os bancos privados.

Para quem recebe acima deste valor, o aumento foi de 4,29% ou de R$ 393,7, o que for mais vantajoso para o funcionário. Inicialmente, os bancários pediam 11% de aumento, entre outros benefícios.

Em todo o estado, 564 agências estavam fechadas até a tarde desta quarta, segundo informações do Sindicato dos Bancários. Da base do sindicato, 66 agências da Caixa continuarão sem funcionamento na Bahia. Uma nova assembleia no Ginásio de Esportes acontece nesta quinta-feira, em Salvador.

A Caixa propôs aos seus funcionários um "reajuste salarial seguindo a regra da Fenaban, de 7,5% em todas as verbas, sem o teto de R$ 5.250".



Informações do Correio Online

EMPRESÁRIOS BAIANOS QUEREM HORÁRIO DE VERÃO

Pelo sétimo ano consecutivo, a Bahia ficará de fora do horário de verão que começa no próximo domingo (17) nos estados do Sul, Sudeste e Centro Oeste do País. Nos próximos quatro meses, os relógios dos baianos terão uma hora a menos em relação ao horário de Brasília. Insatisfeitos, empresários e as associações de classe ligadas à indústria, ao comércio e ao turismo pleiteiam, pelo segundo ano consecutivo, junto ao governo do Estado, a inclusão da Bahia no esquema. Um dos argumentos é que as regiões atingidas pelo horário de verão representam cerca de 80% da economia brasileira.

Apesar de não quantificarem os prejuízos acarretados pela diferença de horário no Estado com a maior parte do País, os empresários defendem a adoção do horário de verão como forma de redução do consumo de energia. Segundo o Ministério das Minas e Energia, a adoção do horário de verão possibilitou a redução média de 4,7% na demanda por energia no horário de "pico", entre 18 e 21h em todo o País. Para o professor Luiz Pontes, coordenador mestrado em energia da Unifacs, a adoção do horário de verão é uma questão política e deve levar em conta não apenas os efeitos em relação ao consumo de energia. “Seria melhor para a economia baiana acompanhar as regiões Sul e Sudeste. A perda econômica pode acabar sendo maior do que a economia de energia elétrica”, avalia.

Por James Martins

Contas de Senhor do Bonfim são aprovadas com ressalvas


foto: MANO
Na sessão realizada nesta quarta-feira (13/10), o Tribunal de Contas dos Municípios aprovou com ressalvas as contas do prefeito de Senhor do Bonfim, Paulo Batista Machado, relativas ao exercício de 2009.
Em razão das irregularidades remanescentes no parecer, o relator, conselheiro Raimundo Moreira, imputou multa no valor de R$ 5 mil ao gestor e determinou o ressarcimento aos cofres municipais da quantia de R$ 1.918, com recursos pessoais, em decorrência da ausência de comprovação de despesa. Cabe recurso da decisão.
A arrecadação do município de Senhor do Bonfim atingiu o montante de R$ 62.540.516 e as despesas realizadas alcançaram a importância de R$ 66.890.088, resultando em deficit orçamentário na ordem de R$ 4.349.571.
Com amparo na legislação em vigor, foram abertos e contabilizados créditos suplementares no total de R$ 32.465.382, sendo: R$ 30.805.673 por anulações de dotações orçamentárias, R$ 1.659.708 por superávit financeiro do exercício anterior e crédito especial na importância de R$ 100.000,00 por anulações de dotações.
As disponibilidades financeiras de R$ 3.716.520 foram insuficientes para o pagamento das obrigações de curto prazo no montante de R$ 5.370.551, formada pelo somatório das retenções e consignações de R$ 952.576, restos a pagar de exercícios anteriores de R$ 68.402 e restos a pagar do exercício em exame de R$ 4.349.571, denotando a existência de desequilíbrio fiscal, devendo o gestor adotar providências para adequar a situação ao disposto no artigo 42 da Lei de Responsabilidade Fiscal, haja vista que a ocorrência de tal fato poderá macular o mérito das contas, caso aconteça no último ano do mandato.


Por: Geraldo José

Censo 2010 continua preocupando: centenas de bonfinenses não foram recenseados ainda


Participante de mais uma reunião de avaliação do Censo 2010, ocorrida nesta quarta-feira, às 16 horas, em sala de reuniões da Câmara de Vereadores, o prefeito Paulo Machado e assessores constataram que ainda não foi atingida a estimativa que vinha sendo prevista para o atual censo demográfico.

Conforme relatório do coordenador-geral do Censo de nosso município, Israel Castro, só foram recenseados até o momento 71.284 cidadãos, sendo 55.785 na zona urbana e 15.499 na zona rural. Preocupa o fato de que restam apenas 8% a ser recenseado e a coleta se encerra no próximo dia 30 de outubro. O pior é que foram encontradas 3.909 casas fechadas, vazias ou de uso ocasional, o que pode significar que poderão ficar fora do censo mais de 4.000 pessoas.

OS PREJUIZOS DA OMISSÃO – Caso cidadãos bonfinenses não sejam recenseados, o município perderá sob todos os aspectos, inclusive quanto à sua receita, já que os repasses governamentais se baseiam na população do município. O bonfinense Béu Santiago, recentemente, explicou com maestria a importância de que o censo seja completo: “Encaminhamento de palestras por professores, normalmente, chegam aos pais dos alunos. Faz-se necessário que a população entenda o significado do censo, seus ganhos ou perdas para o município, lembrando que a reparação de um erro, agora, só poderá ser revisto no próximo censo e, no caso, as perdas serão enormes, são verbas para a saúde, educação etc., que, fatalmente, terão seus reflexos na prestação desses serviços para a população. Ou seja, a população tem que estar convicta de que o prejuízo será dela própria, os governantes se sucedem durante o tempo, contudo a perda será sempre da população.”


PROVIDÊNCIAS A SEREM TOMADAS – Ao final da reunião, o Prefeito Paulo Machado definiu as seguintes providências, a serem encaminhadas com urgência:

1. Continuação de carros à disposição de recenseadores para que se desloquem a tempo e hora às casas que se encontram fechadas;

2. Envolvimento das escolas, dos Agentes Comunitários de Saúde e dos Agentes de Endemias na identificação das famílias ainda não recenseadas;

3. Convite ao Sindicato dos Trabalhadores Rurais, ao Sindicato Rural, Ongs e Associações para que conscientizem e mobilizem famílias da cidade e da zona rural;

4. Colocação de carro de som em ruas centrais, bairros e distritos;

5. Gravação de uma mensagem para divulgação nas emissoras locais e da região com os seguintes dizeres:

ASCOM