terça-feira, 1 de março de 2011

Saúde quer a população sabendo mais sobre o combate à dengue


Engajado no esforço nacional de Combate à Dengue, o governo Cuidando da Nossa Gente, pela Secretaria Municipal de Saúde de Senhor do Bonfim e o Governo do Estado da Bahia, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), Superintendência de Vigilância e Proteção à Saúde (Suvisa) e a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Divepe) dirigem-se à população com o objetivo de esclarecer quanto à pertinência do uso de inseticidas, no que diz respeito ao contido na seguinte nota técnica:


Esclarecimento para o uso do fumacê (Nova técnica 02/2008)


Esclarecemos que, a aplicação de inseticida através do método UBV-Ultra Baixo Volume (FUMACÊ) é restrita a epidemias de Dengue e/ou Febre Amarela, como forma de complementar às ações de combate ao potencial transmissor destas doenças, o Aedes aegypti.

O uso sem critério do FUMACÊ impacta o meio ambiente, causando mortes de insetos polinizadores, tais como: abelhas, vespas e borboletas, além dos predadores naturais que exercem a função de controladores das populações de vetores. Outra conseqüência negativa é a seleção de populações de mosquitos resistentes ao produto utilizado, dificultando a interrupção da transmissão através do controle químico, quando realmente for necessário.

Vale ressaltar, que o uso do FUMACÊ só elimina insetos alados, ou seja, os ovos e as larvas não são atingidos e renovam sempre a população dos adultos. Os insetos do gênero culex (muriçoca) se produzem em ambientes ricos em matéria orgânica, tais como: esgoto, água pluvial sem esgotamento, recipientes expostos em lixos, fossas abertas etc. Portanto, para combater as muriçocas são necessárias medidas de saneamento básico.

Divepe / Suvisa / Sesab / Semus

Jornal da Câmara Edição-01-03-2011


Qualidade do transporte escolar debatido na Câmara

Aconteceu nesta terça-feira, dia 01 de março, audiência Publica sobre a precariedade do transporte escolar no Município de Senhor do Bonfim.

Estiveram presentes o Inspetor Gildaberto Silva da PRF, Inspetor Lucas diretor de Transito, Tenente Jorge Facão representante da Policia Militar.

Laércio Muniz Vereador do PTN, falou da caótica situação do Transporte escolar no Município e que os estudantes estão correndo risco de vida e o município não vem tomando nenhuma atitude.

O inspetor Lucas diretor de transito do Município, disse que todos os ônibus que transportam estudantes são vistoriados e que o seu setor esta atento a qualquer denuncia tanto da população quanto dos vereadores.

Helson de Carvalho Vereador do PMDB sugeriu a implantação de um telefone disk denuncia para os estudantes com objetivo de garantir a qualidade do transporte.

Gidalberto Silva Inspetor chefe da PRF fez alguns questionamentos sobre o funcionamento do transporte, por exemplo:

Se o transporte de estudantes tem alvará e quanto o transporte particular também é fiscalizado e se o município tem alguma lei que regulamente os citados transportes.

Parteado pelo vereador Biro-Biro do PV que respondeu ao inspetor que o município tinha uma lei que foi regulamentada na gestão do ex-prefeito Carlos Brasileiro.

Helson de Carvalho Vereador do PMDB enfatizou que aquela discussão não tinha como objetivo punir os proprietários de ônibus e se melhorar a livre concorrência e a qualidade.

Gerivaldo Sampaio Vereador do PSC entendeu a importância de cobrar a fiscalização por parte da prefeitura do município.

Laércio Muniz do PTN fez cobranças ao inspetor Gidalberto sobre a incidência de animais na BR e os números de acidentes crescente com fatalidade.

Falta de convênios com prefeituras

O inspetor informou que convênios foram solicitados com os municípios de Senhor do Bonfim e Juazeiro para contratação de laçadores e oferecimento de currais o que não foi aceito por nenhum dos municípios apesar de que a solicitação foi feita por duas vezes sem resposta.

Otávio Xisto Vereador do PMN sugeriu que todos os prefeitos dos municípios que ficam as margens da BR407, firmassem compromisso com a PRF dividindo assim a responsabilidade com todos, pois não era justo o prefeito do município de Senhor do Bonfim assumir a responsabilidade por todos.

Jorge FacãoTenente da Policia Militar disse que aquela discussão do poder legislativo era muito pertinente e que o 6º Batalhão estava a disposição para colaborar com aquela situação.

Thatiane Borges presidente da Cooperativa de Transportes de estudantes e passageiros de Senhor do Bonfim, disse que as criticas eram bem vidas e que a cooperativa esta muito atenta as cobranças dos vereadores e da comunidade.

Sugestões da Câmara depois do debate:

-Curso de capacitação para os condutores;

-Disk denuncia;

-Convênios através de consorcio com os municípios da região para viabilizar currais e laçadores;

- E Melhor atendimento ao cidadão.

Utilidade Publica Municipal

Foi aprovado por unanimidade o projeto de lei do Legislativo de Nº 001/2011, de autoria do vereador Ivan Barbosa do PT, que torna de utilidade publica municipal a associação dos Pequenos Agricultores Rurais da Fazenda Boqueirão do Distrito de Igara no Município de Senhor do Bonfim.

2011 Ano José Gonçalves

Foi aprovado o projeto de lei do executivo de nº02/2011 que institui o ano de 2011, como ano Dr. José Gonçalves, primeiro governador da Bahia.

Contratação de pessoal

Foi aprovado projeto de lei do executivo de nº 01/2011, que autoriza o Chefe do Executivo a contratar pessoal por tempo determinado, para atender necessidade temporária de excepcional interesse público, e dá outras providências.

ASCOM CÂMARA

LEITOR CONTESTA FORMA DE INTERDIÇÃO DA BA 131


Li a reportagem sobre a interdição da rodovia que liga Bonfim a Campo formos e só tenho uma pergunta pra fazer: Onde foi que os engenheiros de trafego de Bonfim se formaram? Porque não é preciso ser "letrado" para saber que o que fizeram só ia causar, na melhor das hipóteses, acidentes como o da foto. Graças a Deus que ninguém ainda morreu, ainda sim, pois pra piorar a situação colocaram outro monte de entulho na descida ali de quem vem da coca cola e entra pra Campo Formos, acho que devem ter pensado que daquela forma conseguiriam fazer mais vitimas, só pode, porque você colocar uma barricada daquela em uma decida é homicídio doloso, quem vem da BR 407 e entra só avistará a barricada a uns 150 a 100 m, isso de dia, imagine a noite, agora me diga em sua sã consciência, um carro a 110 km/h, pode parar a 100 m, só se for quando bater na areia.
Realmente essas coisas só se ver na nossa querida Bonfim, porque em todas as outras localidades quando se faz uma interdição dessas no mínimo se coloca lanternas intermitentes, no mínimo, mas todos sabem disso, afinal eles estudaram muito pra serem “OS EN-GE-NHEI-ROS DE TRAN-SI-TO" e fazer jus a seus salários. Só espero que famílias não tenham que chorar pra eles poderem assumir o erro grotesco que estão cometendo.

Edivaldo Figueiredo.

CARNABONFIM 2011








Programação Carnabonfim 2011

Local: Praça Drº Antônio Gonçalves

Dia 06 de Março 2011. (Domingo)

* 16:00 h - Desfile das Escolas de Samba, Blocos e Batucadas
* 18:00 h -Bandinha e Cia
* 20:00 h- Orquestra Floru e seu Trimetal
* 23:00 h -Mais K Samba


Dia 07 de Março 2011. (Segunda-Feira)

* 10:00 h - da manhã Blocos e Batucadas “ Vai quem quer “
* 17:00 h - Bandinha e Cia
* 20:00 h - Orquestra Floru e seu Trimetal
* 23:00h - Deraldo Mendes


Dia 08 de Março 2011. (Terça- Feira)

* 16:00 h - Desfile das Escolas de Samba, Blocos e Batucadas
* 18:00h - Bandinha e Cia
* 20:00h - Orquestra Floru e seu Trimetal
* 23:00h - Pagodão Bom d+



Dia 06/03/2011


16:00h - Desfile dos Blocos e Escolas de Samba pelas principais ruas da cidade , saída em frente a Prefeitura.

Dia 07/03/2011

10:00h Desfile do Bloco Vai Quem Quer pelas principais ruas da cidade.

Dia 08/03/2011

16:00h - Desfile dos Blocos e Escolas de Samba pelas principais ruas da cidade , saída em frente a Prefeitura.


Edneuton Vieira de Sá - Diretor de Cultura e Eventos
Ivomar Gitânio - Secretário de Cultura

PISTA DA BA 131 INTERDITADA EM BONFIM






Fortes chuvas causaram danos na pista de rolamento da BA 131, próximo ao Bonfim III, em Senhor do Bonfim, com isso vários acidentes foram ocasionados no local e outros nas barreiras de contenção que foram feitas de cascalhos amontoados.

Fundação divulga gabaritos do concurso da Petrobras

São 838 vagas, sendo 220 para cargos de nível superior e 618 para nível médio

A Fundação Cesgranrio divulgou nesta segunda-feira (28) os gabaritos de nível médio e superior do concurso da Petrobras. As provas foram aplicadas neste domingo (27). São 838 vagas, sendo 220 para cargos de nível superior e 618 para nível médio. Doze vagas são reservadas para portadores de deficiência

Confira o gabarito de nível médio e o gabarito de nível superior

O salário inicial varia de R$ 1.801,37 a R$ 6.217,19. As vagas estão distribuídas nos estados da Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Sergipe, Espírito Santo, Rio Grande do Norte, Paraíba, Amazonas, Ceará, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Alagoas, Pernambuco, Maranhão, Pará, Goiás e Santa Catarina.

Entre os benefícios, a Petrobras oferece previdência complementar (opcional), plano de saúde (médico, hospitalar, odontológico, psicológico e benefício farmácia) e benefícios educacionais para dependentes, entre outros.

Correio

NOVAS REGRAS PARA CARTÕES COMEÇAM NESTA TERÇA


A partir desta terça-feira (1°) entram em vigor, em todo o país, uma série de novas regras para o setor de cartões de crédito, definidas pelo Conselho Monetário Nacional. As mudanças deverão ser cumpridas por todas as operadoras de cartões, como administradoras, bancos e lojas. Uma das principais mudanças diz respeito ao número de tarifas que podem ser cobradas dos clientes, que cai de 40 para apenas cinco. São elas: anuidade, emissão de segunda via, uso de saque na função crédito, pagamentos de contas e avaliação emergencial do limite de crédito. Além disso, os tipos de cartões a serem oferecidos serão padronizados: básico ou diferenciado, nacional ou internacional. O básico servirá para pagamentos à vista ou parcelados. Já o diferenciado pode oferecer benefícios, como acúmulo de milhas e bônus, entre outros.

BN

Receita começa a receber declaração de IRPF de 2011

A Receita Federal começa a receber hoje a declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) de 2011, ano base 2010. O programa gerador da declaração, que pode ser baixado no site do órgão (clique aqui), foi reformulado para tentar sanar dificuldades apontadas por contribuintes em anos anteriores.

Os formulários de papéis não serão mais aceitos. As declarações devem ser entregues pela internet ou por disquete ou pen-drive nas agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. A expectativa do Fisco é de receber 24 milhões de documentos até o dia 29 de abril, último dia de entrega sem pagamento de multa. Estão obrigados a prestar conta ao Leão todos os brasileiros que tiveram rendimento superior a R$ 22.487,25 em 2010.

Uma das alterações é a possibilidade de o contribuinte dono de imóvel declarar o rendimento com o aluguel abatendo o valor destinado às imobiliárias. No campo pagamento e doações, ele informará o que foi pago ao corretor. Segundo o supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir, muitos contribuintes ficavam na malha fina porque havia uma discrepância entre os dados do inquilino e do dono do imóvel. A declaração também terá um campo este ano para a inclusão de CNPJ, quando o imóvel alugado for de pessoa jurídica. Antes, a declaração só aceitava que o inquilino informasse o CPF do dono do imóvel.

A partir deste ano, serão geradas duas vias de recibo de entrega da declaração. Muitos contribuintes precisam apresentar cópia da declaração para comprovar renda, como por exemplo em operações de empréstimo bancário. Os servidores públicos também são obrigados a entregar cópia da declaração ao órgão empregador. Como os números dos recibos podem gerar um código de acesso aos dados do contribuinte no site da Receita, o órgão decidiu gerar uma via sem o número. A outra, para uso pessoal do contribuinte, terá o número em destaque. Esta segunda via também trará as pendências e os débitos com o Fisco.

O supervisor informou ainda que será possível declarar a saída definitiva do País ou por mais de 12 meses para deixar de ser contribuinte no País. No ano passado, o Fisco já tinha incorporado ao IRPF a declaração de final de espólio.

Dependentes

Adir disse que a declaração deste ano também terá campos destacando o rendimento de dependentes. Segundo ele, é muito comum que os ganhos de dependentes, quando abaixo do limite de isenção, não sejam informados. No entanto, em caso de declaração conjunta, esses rendimentos precisam ser somados à renda do contribuinte que está preenchendo o formulário.

Quem recebeu rendimentos passados, como os de ações judiciais ou ganhos retroativos de salários, também terá no programa um campo específico para informar os valores recebidos até julho de 2010. A partir desta data, caberá à fonte pagadora informar o rendimento.

Jornal O Estado de S. Paulo.

POLICIAIS DE BONFIM E DE CAEM RECAPTURARAM ESTUPRADOR


Na tarde dessa segunda-feira (28-02), após denúncias, investigadores da polícia civil de Bonfim, em parceria com investigadores da polícia civil de Caem, conseguiram recapturar, o estuprador: LOURIVALDO SILVA DE OLIVEIRA, acusado de estupro de uma criança de apenas 09 anos na localidade de Bom Jardim, região de Caem.
O Estuprador encontrava-se foragido desde o último dia 19/02, quando na companhia de outro meliante, empreenderam fuga da cadeia pública daquela cidade.
Ele encontrava-se em um sítio na localidade de Baraúnas, zona rural de Senhor do Bonfim, e não apresentou resistência à voz de prisão.

A FINALIDADE DAS OSCIPs e OSs e seus desvirtuamentos nas parcerias com o Poder Público


*Josemar Santana e Maraísa Santana

As siglas mais em evidência na atualidade são as OSs (Organizações Sociais) e as OSCIPs (Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público), ambas ONGS (Organizações Não Governamentais), sem fins lucrativos e criadas, respectivamente, pelas Leis Federais 9.637/09 e 9.790/99, com regulação pelo Decreto 3.100/99 e Portaria 361/99, do Ministério da Justiça.

A finalidade dessas Organizações é formar parcerias com o Poder Público para a execução de políticas públicas e de ações que objetivem o desenvolvimento sócio-econômico dos entes públicos que com elas firmem Termos de Parceria, Convênios e Contratos de Gestão.

As OSCIPs, por exemplo, na condição de entidades sem fins lucrativos, firmam parcerias com os Municípios, objetivando realizar estudos sócio-econômicos para a viabilização de implantação de projetos que oportunizem a melhoria das condições de vida da população estadual ou municipal, onde elas passam a atuar.

Nos últimos anos, entretanto, de modo especial, as OSCIPs, têm ocupado espaço considerável da mídia, por causa do desvirtuamento de suas finalidades, notadamente, na ocupação de vagas de cargos efetivos de estados e municípios, por meio de terceirização de mão-de-obra, burlando, de modo dissimulado, dispositivos constitucionais que impõem ao Poder Público, a admissão de pessoal, mediante processo seletivo.

Outra prática corriqueira e que fere princípios constitucionais que devem nortear a administração pública, é a contratação de OSCIPs e OSs sem o devido processo seletivo, mesmo que não sejam para seleção dessas organizações, mas que deveriam ser para a seleção dos seus PROJETOS, objetos das Parcerias, Convênios ou Contratos a serem firmados.

No caso particular da Bahia, o TCM expediu a Resolução 1.290/2010, alterando a Resolução 1.269/2008, acrescentando ao art. 2º, da citada Resolução, o inciso IV, com a seguinte redação:

Resolução 1290/2010.

Art. 2º. (omissis).

IV - Lei Municipal autorizadora de celebração de Contrato de Gestão e de Termo de Parceria.

Além dessa, a Resolução 1.269/2008 sofreu outra importante alteração pela Resolução 1.290/2010, dando nova redação ao Parágrafo Único do mesmo art. 2º, que ficou assim:

Resolução 1290/2010.

Art. 2º. O parágrafo único do art. 2º da Resolução mencionada no artigo anterior passa a ter a seguinte redação:

“Parágrafo Único. A Lei Municipal autorizadora de celebração de Contrato de Gestão e de Termo de Parceria observará as disposições contidas nas Leis Federais nº 9.637/98 e nº 9.790/99, respeitando, sempre, o preceito constitucional atinente á necessidade de realização de prévio concurso público para admissão de pessoal pela Administração Pública Municipal”.

Logo, não se pode aceitar que a Administração Pública firme Termo de Parceria com uma OSCIP, para contratação de pessoal que vai ocupar vagas existentes no quadro de servidores efetivos, sem que haja a seleção de pessoal por meio de concurso público.

Por outro lado, não é aceitável que a Administração Pública contrate ou firme convênio com uma OSCIP sem que haja a seleção do melhor projeto de execução de certa e determinada política pública, porque estará ferindo pelo menos três princípios constitucionais regedores da Administração Pública, quais sejam: legalidade, moralidade e impessoalidade.

Os desvirtuamentos de suas finalidades tem sido responsáveis pela conceituação negativa que têm recaído sobre as OSCIPs, pelo país afora, ocorrendo inúmeros casos que colocam em dúvida a seriedade dessas entidades, a ponto de alimentarem o noticiário das mídias de diversos Estados, chegando ao ponto de um BLOG famoso editar matéria com o seguinte título:

OSCIPS VIRARAM INSTRUMENTOS DE MALANDROS PARA LESAR COFRES PÚBLICOS – Mato Grosso tem sido vítima dessas falcatruas praticadas por entidades supostamente nobres (PÁGINA ÚNICA, 12 de maio de 2010).

Na microrregião de Senhor do Bonfim estão ocorrendo dezenas de contratos de gestão, parcerias e convênios de uma OSCIP (que tem origem em Goiana, sediada em Juazeiro e com o domicílio de seu presidente em Salvador), envolvendo valores que já estão motivando denúncias de supostas irregularidades junto ao Ministério Público e até a promessa de abertura de processos político-administrativos de cassação de mandato de gestores municipais.

*Josemar Santana e Maraísa Santana são advogados do Escritório SANTANA ADVOCACIA, com unidades em Senhor do Bonfim e Salvador

ESCOLA DE SAMBA VOLTA DO MORRO PODE FICAR DE FORA NESTE CARNAVAL DE 2011


Recebemos informações que a Escola de Samba Volta do Morro (ESVM), não vai sair neste carnaval de 2011 em Senhor do Bonfim.
A Escola de Samba Volta do Morro uma das mais antigas da cidade a muitos anos realiza a festa do povo.
Segundo Idinho, um de seus diretores a prefeitura teria ofereceido um baixo valor para a arrumação da escola tais como:
Tambor, repiques, varetas, roupas dos tocadores, dançarinas entre outros.

Maicon noticias

ASCOM ENTREVISTOU MÁRCIA CABRITA


É Carnaval ! Entrevista com Márcia Cabrita

“Não sairei totalmente nua porque não posso!”

Ninguém sabe em Senhor do Bonfim, quem é o cidadão Cleomar Alves dos Santos, nascido na terra, em 30 de maio de 1977. Mas se procurar por Márcia Cabrita, verá que com esse nome de guerra a figura é conhecida de cabo a rabo. Foi ela quem fundou o grupo carnavalesco em 2001. “Fundei por ousadia minha, e botei esse nome: Escola de Samba Bonfim Beleza em 2004, tudo por causa de uma brincadeira”.

Márcia Cabrita bota mão na cintura e narra: “Naquele ano eu saí muito pintada e a finada Mocinha ainda era viva. Aí ela e o povo da prefeitura começaram: ‘É a globeleza, a globeleza, globeleza!’ Como a gente sabe, a globeleza é uma pessoa muito importante e eu sou apenas de Senhor do Bonfim. Mas foi aí que coloquei Bonfim Beleza no nome da escola”. A Ascom (Assessoria de Comunicação Social) deu continuidade à entrevista, que segue com o presidente da Bonfim Beleza, como o leitor pode conferir:

Ascom – Onde foi isso?

Márcia Cabrita – Foi na Praça Boa Esperança mesmo, lá nos altos, no meio da rua.

Ascom – E a sede, onde fica hoje?

Márcia Cabrita – Fica até hoje no mesmo lugar onde nasceu, lá nos altos, no meio da rua. Depois, amanhã, quem sabe, vamos ter sede própria e bonita.

Ascom – Você não se mudou para o bairro Santos Dumont?

Márcia Cabrita – Eu me mudo, mas a minha escola não. Ela nasceu no alto e os componentes são de lá. De lá ela não sai.

Ascom – Você incorporou novos integrantes vindos do Santos Dumont?

Márcia Cabrita Não solicitei a ninguém de lá, meu pessoal é da base dos altos.

Ascom – Quantos elementos teve o Bonfim Beleza em 2010 e quantos serão em 2011?

Márcia Cabrita – A escola está sempre crescendo. O ano passado teve muitos componentes e este ano será maior ainda. Estamos com uma agenda muito boa. Vão desfilar pessoas famosas e vai ser um samba de luxo. Só não posso é anunciar nomes.

Ascom – Marcinha, mantenha mistério do nome, mas nos dê uma pista, um perfil do famoso ou da famosa que desfilará na Bonfim Beleza...

Márcia Cabrita – Pra não dizer que não falei das flores: é de bonfinense, é da sociedade e goza de grande prestígio.

Ascom – É homem, mulher? Qual a ala em que vai sair?

Márcia Cabrita – Vai sair em ala de frente e na frente da ala. É destaque importante. A escola tem nome e a pessoa também tem.

Ascom – E você sairá como?

Márcia Cabrita – É quase imitando a globeleza, porém com mais produção do que no passado. É quase nua mesmo.

Ascom – E as cores da escola são as mesmas verde, branco e amarelo?

Márcia Cabrita – Não, essas são as cores da “melodia da musa” foram os tons preferidos até 2010. Agora será vermelho, cor-de-vinho e rosa-chicletes.

Ascom – Quantos instrumentos?

Márcia Cabrita – No ano passado saímos com 23 instrumentos, este ano teremos um a mais, serão 24. Não ficam dizendo que é o meu número? Então vamos fechar logo: é 24, é ele mesmo.

Ascom – E a variedade deles, tem sopro?

Márcia Cabrita – Não, é samba puro, é marcação. Mas temos variedade pesquisada e boa combinação de som. Vamos sair com tamborim, surdo, surdinho, ‘25’, meia-lua, chuá, bumbo, zabumba, repenique, caixa, taró...

Ascom – Vocês têm um samba tradicional, os bairros altos inclusive cantam fora do carnaval. E esse ano muda o que?

Márcia Cabrita – Não, não muda. A música é “Abra a sua janela”, não posso criar outra. Não devo, e a tradição vai ser mantida. É uma coisa das entranhas, da minha alma e do meu coração. Quem cantava essa música era eu, na chegada do palanque principalmente, por mais cansada que estivesse eu dava tudo de mim. Esse ano será um artista de valor que vai interpretar.

Ascom – O artista é de Bonfim? Quem é?

Márcia Cabrita – É surpresa sim, posso dizer que é de Bonfim.

Ascom – Você falou de palanque, chegada. De onde sairá Bonfim Beleza?

Márcia Cabrita – Olha, o que vem na cabeça eu passo pra ponta da língua. E pra entrevista... as respostas estão boas?

Ascom – Ótimas! Não deixou nada sem resposta. Frescou um pouco só nos mistérios...

Márcia Cabrita – Não fresquei nada. Segredo de escola é segredo de escola. Pergunto se as respostas estão boas... assim... Se estou respondendo tudo que me é perguntado.

Ascom – Claro que sim.

Márcia Cabrita – Bem, o percurso, no domingo, é saindo da Praça Boa Esperança, Rua Dom Antonio Monteiro, Praça da Lagoa, Praça Juracy Magalhães, uma ligeira descansada na frente da Prefeitura, pega a Barão de Cotegipe, vira em frente à União e Recreio e vai sair na Praça Antonio Gonçalves, no palanque da apresentação oficial.

“O que vem na cabeça eu

passo pra ponta da língua”


Ascom – Sobre os figurantes antigos e os novos da escola o que dizer?

Márcia Cabrita – Minha irmã era a porta-bandeira desde o começo, mas se casou e esse ano será substituída por uma surpresa. Agora sobre novos figurantes, pode crer, Bonfim vai cair o queixo. A rivalidade pode aumentar?

Ascom – A quantas anda a rivalidade entre as entidades carnavalescas?

Márcia Cabrita – Olha, dizem que não tem, mas não é verdade. Nesse mundo de meu Deus todo mundo quer ser melhor do que todo mundo. Será que com as escolas e blocos vai ser diferente? Eu vou sair com o melhor que posso. Bonita mesmo! É pra brilhar! Eu e minha escola. Pode ir ver as nossas fantasias, no domingo e na terça-feira.

Ascom – E se pitar alguma zebra, chuva demais, imprevistos...?

Márcia Cabrita Ah, o mundo não vai se acabar. Minha escola sai com qualquer tempo. Nem chuva demais nem dinheiro de menos vai impedir. Cobra que não anda não engole sapo. Corri atrás de patrocínio, são poucos! E carnaval é carnaval, até debaixo d’água.

Ascom – O que significa o carnaval, prá você?

Márcia Cabrita – É uma coisa muito boa. É alegria, fantasia. Eu me realizo. Não vejo carnaval pelas bandas. Bandas boas a gente vai ouvir e aplaudir. Isso pra mim não existe, porque quem faz carnaval é a gente. É a pessoa brincar o carnaval com alegria, felicidade, paz e humor... Aí é onde existe carnaval.

Ascom – Você faz algum sacrifício pelo carnaval?

Márcia Cabrita – Eu boto salto alto e já saio sambando. Desço dos altos sambando, ali é que tá o meu povo, é onde ensaio e tem a escola. Lá no centro eu tô casada, os pés doendo, chorando por dentro. Chora por dentro, mas ri, esquece e se recupera. Ri porque é uma coisa alegre. É esse o sacrifício?

Ascom – então não tem tempo ruim...

Márcia Cabrita – Se tivesse e desse zebra eu correria atrás. Não ia ter 130 a 150 figurantes na escola, como eu quero. Mas, nem que saísse só com os instrumentos, eu pegava muito batom, fazia uma patacoada em meu rosto e ia pra rua... Mas eu saía.

Lucinete assume a gerência do futebol feminino no município


Membros da Associação Bonfinense Feminina de Futebol (ABFF) estiveram reunidos ontem (28), pela manhã com o prefeito Paulo Machado, definindo-se que a desportista Lucinete Antunes é a gerente municipal dessa categoria esportiva, em Senhor do Bonfim. Feliz com a missão recebida, a desportista Lucinete Antunes, também presidente da ABFF, reafirmou o compromisso com o desenvolvimento do futebol, do qual cuidará na condição de “verdadeira amante” como se declarou na breve confraternização. (Na foto: Lucinete à esquerda; o vice-presidente da associação, Pedro Neto, ao centro).

ASCOM