sábado, 28 de maio de 2011

PARÓQUIA SÃO JOSÉ ESPOSO


INFORMAÇÕES SOBRE A PARÓQUIA DE SÃO JOSÉ ESPOSO

A Paróquia de São José Esposo (19/3/1995) pertence ao Zonal I da Diocese de Bonfim, tem 23 comunidades (3 urbanas e 20 rurais) e uma população aproximada de 15 mil habitantes.
Endereço: Quadra A, Caminho F, 12 Populares I, 48970.000 – Senhor do Bonfim – BA
CNPJ: 13.833.801/0017-47
Telefones para contato: (74) 9124-1140 e 8123-0066 (padre)
E-mail: paroquiasjesposo@hotmail.com
Orkut: Paróquia S. José ESPOSO (paroquiasjesposo@hotmail.com)
Facebook: Paróquia São José (paroquiasjesposo@hotmail.com)
Blog: http://psjesposo.blogspot.com/
Missas na Matriz: domingo (9h30 e 19h30), quarta-feira (19h30) e sexta-feira (19h30)
Confissões na Matriz: sexta-feira (16h)
Atendimento do Padre na Casa Paroquial: terça, quinta e sábado (8h30-11h30)
Pastorais: Batismo, Catequese, Criança, Dízimo, Família, Liturgia e Vocacional
Movimentos: Apostolado da Oração, Legião de maria e Terço dos Homens

INFORMAÇÕES SOBRE O PADRE
Pároco: Pe. Alberto-Dionísio Santos
Lema: “Eis que ponho as minhas palavras em tua boca” (Jr 1,9)
Nascimento: 4/3/1966 (Itiúba/BA)
Ordenação: 2/8/1998 (Senhor do Bonfim/BA)
E-mail: pe.dionisius@hotmail.com
Orkut: Alberto DIONISIO (pe.dionisius@hotmail.com)
Facebook: Alberto Dionisio (pe.dionisius@hotmail.com)
Blog: http://alberto-dionisio.blogspot.com/
Twitter: www.twitter.com/adion2
Telefones: (74) 8123-0066 e 9124-1140

Prefeito manda construir UPA-24h, dois Postos de Saúde e calçar mais 10 ruas


De uma só penada, o Prefeito Paulo Machado deu um grande passo para o atendimento do sistema de saúde em Senhor do Bonfim e deu um salto na urbanização. Na manhã desta sexta-feira (27), em ato público no Calçadão ele assinou a Ordem de Serviço para as construções da UPA – Unidade de Pronto Atendimento/24 horas (R$1.029.023,26) e dois PSF (Postos de Saúde da Família), um no bairro Monte Alegre II (R$ 116.960,93) e outro no Bairro Vila Nova (R$113.797,27). Em seguida, rubricou a Ordem de serviço para a pavimentação da Jacutinga, no bairro da Pêra e das ruas: Jerônimo Batista, Jorge Amado, São Gonçalo, Antônio Fialho, Castro Alves, Santa Luzia, Paquistão, Xangai, Genebaldo Correia e Olinda.
O volume de investimentos nas três obras de saúde é de R$ 1.259.781,20 e o de pavimentações R$ 412.440,00. Em conjunto as obras totalizam a cifra de R$ 1.67 milhão. Estes lançamentos ocorrem em homenagem ao Aniversário da Cidade, momento em que no mínimo 14 obras estão sendo entregues à população.
UPA e vias – A arrancada de melhorias na infraestrutura da saúde municipal atinge um dos alvos principais: uma unidade de pronto-socorro equipada para atendimento imediato, com funcionamento ininterrupto de 24h/dia. A UPA terá leitos providenciais às necessidade de urgência emergência. Por outro lado, o ato do prefeito determina o surgimento de Postos de Saúde em bairros que vêm carecendo dos serviços do SUS. Os novos postos também descentralizam o atendimento nas demais unidades sanitárias do município. Em relação às pavimentações, as 10 ruas a serem urbanizadas significam que a gestão Cuidando da Nossa Gente continua a reduzir o déficit de pavimentações viárias trazidos de décadas passadas.
Infra tem valor – O prefeito dedicou grande parte do discurso para esclarecer a população de que todas as obras com recursos federais ou através de emendas parlamentares necessitam de projetos bem elaborados e parcerias sólidas, para conseguir levantar definitivamente os primeiros pilares de uma construção – não sem antes desabafar: “Mesmo com a escassez de recursos estamos conseguindo administrar nosso município. Um prefeito não pode ficar só construindo ou embelezando praças; eu não durmo tranquilo à noite, por que me preocupo com os problemas de ordem estrutural de nosso município, sejam eles na Infra-estrutura, Saúde ou Educação”, destacou.
Segundo no estado – Bonfim é o Para o secretário de Saúde, Francisco Lustiago, “o ato de assinatura representou um dia histórico para Senhor do Bonfim, já que na Bahia só existia esse centro de atendimento em Bom Jesus da Lapa e agora Bonfim terá o segundo no estado. Com a construção da UPA, o Hospital Regional vai desafogar e os casos mais graves serão mais bem assistidos já que a estrutura e equipamentos desta Unidade de Pronto Atendimento serão de uma semi-UTI, o que possibilita chances bem maiores de recuperação dos pacientes”. Ainda segundo Lustiago, o fato de a UPA ser construída às margens de uma rodovia facilitará a remoção e transporte desses pacientes.

ASCOM

ADOLESCENTE ATROPELA HOMENS NA CALÇADA EM CARRAPICHEL




Por volta das 10h20min da manhã desse sábado (28/05), o menor de iniciais M. A. S, 15 anos residente em Bonfim, após sair de uma festa no distrito de Carrapichel, zona rural de Senhor do Bonfim, e conduzindo um veículo FIAT PUNTO de cor prata placa NTK 3797, licença de Senhor do Bonfim, pertencente ao senhor Ademir Nunes, a poucos metros do local onde aconteceu uma festa noite passada, o adolescente perdeu o controle do veículo subiu na calçada e atropelou os senhores, WILSON CORREIA DA SILVA, 33 anos residente em Carrapichel, que sofreu escoriações nas pernas, pés e costas, e o jovem LEANDRO SANTOS DA SILVA, (Léo), 23 anos residente também no mesmo distrito, sendo que Léo foi transferido a uma outra unidade de saúde em Juazeiro, por ter sofrido fratura exposta em sua coxa lado direito.
Após causar o acidente o menor foi linchado por populares, que não causaram maiores danos porque um senhor impediu, e acionou a PM, que chegou rápido ao local, mesmo assim não deu tempo suficiente de evitar que populares apedrejassem o carro.
As vítimas jogavam dominó no momento do acidente.
O menor foi levado à delegacia de polícia civil, e sua mãe foi acionada, juntamente com o proprietário do veículo.

Maravilha Notícias.

PM ENCONTRA MOTO ROUBADA A MAIS DE MÊS EM BONFIM


Por volta das 10h35min, dessa sexta-feira (27de maio), polícias lotados no 6º BPM de Senhor do Bonfim, encontraram abandonada em um matagal na antiga lavanderia, zona rural dessa cidade, uma moto HONDA FAN, preta com placa clonada JLA 9477 placa de Pindobaçu, sendo que a verdadeira é JQT 7375, pertencente ao senhor MANOEL JOSÉ DOS SANTOS, 40 anos, que teve sua moto roubada no último dia 24 de abril de 2011, quando teria ido fazer uma corrida para um passageiro que solicitou a moto, próximo ao restaurante Macaxeira, e o assaltante disse que queria ir até a localidade de Sitio de Baraúnas, quando já próximo ao local o passageiro (ladrão), pediu que o moto boy parasse antes e desferiu cerca de cinco facadas nas costas do moto boy, que ainda teria lutado contra o assaltante, que o deixou ferido e caído ao chão, sendo resgatado momentos depois por moradores da redondeza.
Feliz da vida por ter permanecido vivo e agora com seu veículo por mais que esteja depredado, Manoel agradeceu a Deus e saiu da delegacia com um sorriso nos lábios, pelo fato da polícia ter encontrado seu veiculo de trabalho.

Maravilha Notícias

DELEGADO FELIPE NERY PRENDE MAIS UM ENVOLVIDO NA OPERAÇÃO MONTE SANTO


Por volta das 14h00min, do dia 27 de maio, foi preso através de mandado de prisão, expedido pelo Sr. Juiz de direito da Comarca de Monte Santo, Dr. Vitor Manoel Sabino Xavier Bezerra, o nacional ALESSANDRO OLIVEIRA BAHIA (Tom Guê), 36 anos, residente no centro da cidade de Monte Santo.
De acordo com as informações ele participava do esquema de corrupção que derrubou dois delegados, o de Monte Santo e o de Cansanção, além de outros envolvidos, quando segundo o Bel. Felipe Nery, Alessandro, há cerca de um ano e meio vinha repassando a quantia de R$ 1,500,00, oriundo de jogo de azar, para o delegado de Monte Santo, para que o delegado deixasse transcorrer livremente sistema de jogo do bicho naquele município.
Tom Guê, foi autuado por formação de quadrilha e corrupção passiva.

Quadrilha ou bando
art. 288 - Código Penal
é crime contra a paz pública
"Associarem-se mais de três pessoas, em quadrilha ou bando, para o fim de cometer crimes:
Pena - reclusão, de um a três anos.

Corrupção Passiva
Art. 317 - Solicitar ou receber, para si ou para outrem, direta ou indiretamente, ainda que fora da função ou antes de assumi-la, mas em razão dela, vantagem indevida, ou aceitar promessa de tal vantagem:
Pena - reclusão, de 2 (dois) a 12 (doze) anos, e multa

Maravilha Notícias

RELAÇÃO DOS GOLEIROS MENOS VAZADOS

CAT: PRINCIPAL
JOSÉ EDUARDO BARÇA BONFIM 16 GOLS – 7 J
VANDERLEI DA SILVA VILA NOVA 15 GOLS – 7 J


CAT: DESATIVADO
ROGÉRIO PEREIRA SKOOL FUTSAL 14 GOLS – 7 J
EVERALDO SANTOS MADEIREIRA LOPES 15 GOLS – 7 J


CAT: INF. JUVENIL
EVERTON LOPES GAMBOA BONFINENSE 10 GOLS – 6 J


CAT: INF. MIRIM
LUCAS H. DO VALE GAMBOA BONFINENSE 09 GOLS – 7 J


CAT:PRÉ-MIRIM
GUILERME EVANGÉLIS PINGO DE GENTE 13 GOLS – 7 J
GILVAN SILVA GAMBOA BONFINENSE 15 GOLS – 7 J


ARTILHEIROS DO CAMPEONATO DE FUTSAL 2011.

CAT: PRINCIPAL
WEIDSON VIANA REAL S. DUMONT 10 GOLS


CAT: DESATIVADO
JOSA GOMES FORÇA JOVEM 17 GOLS

CAT: INFANTO JUVENIL
IAGO ILLAN BONFINENSE 13 GOLS
WALLACE SANTANA GAMBOA BONFINENSE 11 GOLS

CAT: MIRIM
PEDRO HENRIQUE GAMBOA BONFINENSE 10 GOLS


CAT: PRÉ-MIRIM
MATEUS ALVES PINGO DE GENTE 12 GOLS
RODRIGO BORGES GAMBOA BONFINENSE 09 GOLS


APOIO: PREFEITURA MUN. SR. DO BONFIM, SKOOL, MADEIREIRA LOPES, JS UTILIDADES, CONSULTÁBIL E JÓ VITORINO.

TABELA DO CAMPEONATO BONFINENSE DE FUTSAL 2011

20ª RODADA – (Terça-feira) 24-05-2011 - Semi-finais
17;00-(Mirim) São Paulinho 01 X 02 São Rafael

17:40-(P.Mir.) Pingo de Gente 06 X 02 Ant° Gonçalves

18:30-(Inf.juv) Gamboa Bonfin. 01 X 00 São Paulinho

19:30-(Desat.) Força Jovem 02 X 06 Madeireira Lopes

20:30-(Princ.) Barça Bonfim 06 X 03 Real S. Dumont

OBS: Inicio semifinal do Pré-mirim, Mirim, Inf.Juvenil, Principal e Desativados

21ª RODADA – (Quinta-feira) 26-05-2011- Semi-finais
17;00-(Mirim) Gamboa Bonfin. 02 X 02 Pingo de Gente - Penaltis 3 X 2

17:40-(P.Mir.) Gamboa Bonfin. 07 X 02 São Paulinho

18:30-(Inf.juv) Palmeirinhas 06 X 03 Bonfinense

19:30-(Desat.) Lojas Maia 03 X 04 Skool Futsal

20:30-(Princ.) Vila Nova 04 X 00 Populares

22ª RODADA – (Sexta-feira) 03-06-2011 - FINAIS
16:40-(P.Mir.) Pingo de Gente X Gamboa Bonfinense

17;40-(Mirim) São Rafael X Gamboa Bonfinense

18:40-(Inf.juv)Gamboa Bonfinense X Gamboa Bonfinense

19:40-(Desat.) Madeireira Lopes X Skool Futsal

20:40-(Princ.) Barça Bonfim X Vila Nova

PREMIAÇÃO EM TROFÉUS PARA AS 5 CATEGORIAS:

* EQUIPE CAMPEÃ
* EQUIPE VICE-CAMPEÃ
* DESTAQUE DE CADA CATEGORIA
* MELHOR GOLEIRO DE CADA CATEGORIA
* ARTILHEIRO DE CADA CATEGORIA



* EM DINHEIRO 2.200, REAIS NO GERAL - CAT. PRINCIPAL 1.400, (campeão 900, vice-campeão 500, )



* CAT. DESATIVADOS 800, (campeão 500, vice-campeão 300, )

ORGANIZAÇÃO: JONATAS ALEXANDRE VIEIRA E VANDEILSOM SIMPLICIO DA SILVA

SENHOR DO BONFIM COMEMORA ANIVERSÁRIO COM OBRAS‏


O povoamento da região de Senhor do Bonfim tem sua origem ligada aos acontecimentos históricos do Brasil e da Bahia nos séculos XVII e XVIII, principalmente a catequese e escravização dos índios, o ciclo do gado e a corrida em busca de ouro e pedras preciosas. O primeiro registro data de 1697, quando foi instalado o núcleo pioneiro de toda a região, o "Arraial da Missão de Nossa Senhora das Neves do Sahy", sob a égide da Ordem dos Padres Franciscanos, catequisadores dos índios kiriris. Neste período, o litoral da Bahia - maior centro produtor da Colônia - era dominado pela cultura em larga escala da cana-de-açúcar para exportação.

De acordo com o professor doutor Paulo Machado, em sua obra Cartilha Histórica sobre as origens de Senhor do Bonfim, o Arraial de Missão de Nossa Senhora das Neves de Say foi um dos mais antigos da então capitania da Bahia. Era, na verdade, uma missão religiosa, entregue à ordem de interesses políticos, sociais e econômicos.

A criação de gado, apesar de ser uma economia de subsistência, considerada menos importante do que o cultivo da cana-de-açúcar, na época, possuía grande potencial de crescimento. A demanda de carne e de animais de tração para os engenhos e o transporte de cargas era cada vez mais alta. A estratégia da Coroa Portuguesa, à época, voltava-se para a ocupação efetiva do território brasileiro, visando a integração do interior ao litoral. Nesse contexto, a atividade pecuária representou um dos maiores instrumentos utilizados pela Coroa para atingir o objetivo de integração territorial: já em 1701, determinou que a pecuária só seria permitida a 10 léguas da costa, e assim a criação de gado foi cada vez mais adentrando o interior do Brasil. Isto apesar das dificuldades enfrentadas devido às condições desfavoráveis ao povoamento da região, ligadas especialmente ao clima semi-árido, com suas chuvas escassas e irregulares.

Ainda no final do século XVII, Senhor do Bonfim era uma simples rancharia de tropeiros, localizada à margem de uma lagoa. Os únicos habitantes ainda eram os índios Kiriris.O povoamento foi iniciado com os portugueses, que seguiam a rota das bandeiras em direção às margens do rio São Francisco ou às minas de ouro de Jacobina. As terras férteis, a lagoa e o clima agradável eram o ideal para quem estava a procura de repouso. Os que levavam gado, alí faziam currais.

Em torno de uma lagoa, muitos acabaram ficando. De ponto obrigatório de passagem, surgia um centro comercial e agrícola. Depois de construídas as primeiras habitações, em 1750 já se formava na área uma localidade considerável. O povoado foi, então, denominado de Arraial do Senhor do Bonfim da Tapera. Em 1797, de acordo com Adolpho Silva, em sua obra “Bonfim terra do bom começo”, já existiam no arraial 600 habitantes. A distância da então sede da comarca, Jacobina, fez com que fosse elevado à categoria de Vila, pela Carta Régia de 1 de julho de 1797. O nome passava a ser Vila Nova da Rainha.

Demorou décadas. A população crescia consideravelmente e o progresso era visível. Nada barrava mais a campanha pela elevação da vila à categoria de cidade. Foi então que, em 28 de maio de 1885, a vila foi elevada à categoria de cidade, a cidade do Senhor do Bonfim, depois simplificada para cidade e sede do município de Bonfim, que ainda era constituído do distrito de Jaguarari. Em dezembro de 1943, o município e a cidade tiveram definitivamente o nome alterado para Senhor do Bonfim. Atualmente, além da sede, o município está constituído de quatro distritos : Carrapichel, Igara, Quicé e Tijuaçu.

O município comemora o seu aniversário entregando obras à população.

Paulo Machado

Homenagem da UJS Bonfinense por estes 126 anos lindos, os 126 anos de Bonfim!


Senhor do Bonfim

Ergue-se às margens de uma lagoa,
Pra dar descanso àqueles que conheceriam o nosso país,
Mas antes disso já servia de moradia,
Para índios que na Missão Viviam.

Oh Bonfim, terra de grande riqueza cultural,
Como o Remanescente de Quilombo,
As rodas de Dança,
A feira livre,
E principalmente seu São João Tradicional.

Oh Bonfim, terra de belezas naturais,
Como a Reserva do Grunga,
A Cachoeira do Gado Bravo,
E as suas serras, que um belo pôr do sol nos traz.

Oh Bonfim, terra de pessoas sensacionais,
Pessoas hospitaleiras e amigas,
Que dessa história são personagens principais.

Oh Bonfim, por isso tudo prometo sim,
Independentemente de qualquer coisa,
Te levar dentro de mim!


Homenagem da União da Juventude Socialista para Senhor do Bonfim.

MOVIMENTO DOS PEQUENOS AGRICULTORES UNIDADE HABITACIONAL


Convite

Com alegria que o MPA- Bahia, vem por meio deste, convidar você, sua comunidade,movimento entidade, grupo para festejar conosco a Inauguração das Unidades Habitacionais Camponesa do MPA-BAhia.

Local: Comunidade: Várzea Queimada
É possível que seu navegador não suporte a exibição desta imagem. Data: 18/06/2010.
Cidade: Caem-BA

Programação:

14h00: Mística
14h15min: Abertura Oficial da Inauguração das Unidades Habitacionais Camponesa do MPA-Bahia.
14h45min: Visitar umas das Unidades Habitacionais Camponesa do MPA
15h30min: Mesa redonda com os (as) as convidados (as).
18h00: Quadrilha
19h30min: Forró e Churrasco.

"Sonha e serás livre de espírito... luta e serás livre na vida".
Che Guevara



MPA Luta Camponesa,Soberania Alimentar e Poder Popular!

VENHA TOMAR NO FUSCA 2

Diversidade Cultural


Unesco está recebendo inscrições para projeto de assistência técnica voltado à governança em Cultura
A Organização das Nações Unidas para a educação, a ciência e a cultura (Unesco) está recebendo inscrições, até 30 de junho, para o Edital de Consultoria de Especialistas para Fortalecer o Sistema de Governança da Cultura dos paises em Desenvolvimento. O Projeto, que integra a Convenção da Unesco sobre a Proteção e Promoção da Diversidade das Expressões Culturais, aprovada em 2005, tem como objetivo reforçar o papel da cultura como vetor para o desenvolvimento sustentável e a redução da pobreza. O concurso está aberto à participação de Ministérios, instituições e organismos públicos responsáveis pela cultura ou que tenham uma influência direta na governança da cultura nos países em desenvolvimento incluídos na lista dos beneficiários.

Para inscrever as propostas os interessados deverão baixar o formulário eletrônico da página: www.unesco.org/culture/en/culturegov. Os formulários de inscrição, preenchidos em inglês ou francês e acompanhados de documentos de apoio e das informações relevantes, devem ser enviados via e-mail, em formato RTF ou versão PDF, para: culturegovernance@unesco.org ou via fax para: 33(0)1 45 68 55 95.
A comissão julgadora levará em conta critérios como pertinência da iniciativa aos objetivos da Convenção para Proteção da Diversidade; a viabilidade do projeto; a efetividade, ou seja, quais os benefícios da proposta e sustentabilidade/capacidade da iniciativa prosseguir após o fim da consultoria.


http://www.cultura.gov.br/site/2011/05/20/diversidade-cultural-23/

Carla Lidiane
Representante Territorial de Cultura

Vinte sanfoneiros bonfinenses promovem encontro na Praça Dr. José Gonçalves



Durante toda a manhã de quarta-feira, 20 sanfoneiros enxugaram o chão da praça a sopro de foles e puxadas de forró. O busto do Dr. José Gonçalves (em local errado e prestes a sair dali) testemunhou o show na Praça Antonio Gonçalves. Passou do meio-dia e o sereno não passou. Mas quem passava parava, pelo Encontro de Sanfoneiros na Praça Antonio Gonçalves.

O encontro só reuniu talentos. Nivaldo do Acordeom, Josa (Trio Alvorada), Zé Bonfim, Tomaz (da barraca), Nego do Peixe, Chiquinho da Sanfona e por ai vai. Tião, o mais folclórico, não pôde participar, perdeu um parente, mas mesmo passando chuva ao lado da Matriz desafiou: Se a nuvem quiser derramar pode, aí é que nós se aprepara pro São João.

Local de forró – O evento, que antevê o 126º aniversário da cidade (28/5) e em seguida um mergulho no melhor São João da Bahia, juntou um público variado, regulado pelo chuvisco, mas que pôde ouvir e dançar ao som de grandes sanfoneiros de Senhor do Bonfim e região. A cultura do forró pé-de-serra, xaxado e baião foi levada à “praça do forrobodó” por idealização e apoio das secretarias de Educação (Semec) e Cultura (Semcult), respectivamente.

“A idéia na Semec era realizar um evento com teor cultural de apresentação teatral, feira com artesanato, etc, porém, compartilhando-a com a Semcult, optamos por um encontro de autênticos sanfoneiros, mostrando o melhor desses músicos”, relembrou Maria das Neves, da pasta de Educação. Escolhido o tema, o titular da Cultura, Ivomar Gitânio, tomou o sanfoneiro Zé Bonfim (mais de 40 anos de carreira) como um dos consultores, a convidar músicos. “Deixe comigo!”, respondera-lhe o artista, com empolgação. E assim. 20 deles multiplicaram em acordes a empolgação do evento.

Ôi, deixa chover... – Sempre disposto a incentivar e participar de manifestações do gênero, o gestor Paulo Machado dançou e fez a abertura: "Eu trago um abraço pra todos os sanfoneiros e forrozeiros. O São João chegou e, como era de se esperar, já traz muita chuva. Convenhamos que, se é tradição o São João sem chuva não serve. Então, o bom São João tem que ter a lama na bainha da calça e, à revelia do tempo, o povo dançando e tomando licor até o dia amanhecer. Esse encontro está mostrando a força do forró pé-de-serra de nossa cidade e de nossa região”.

Partidário da criação do Dia Municipal do Sanfoneiro, Ivomar declarou: “Nosso município defende o título de Capital Baiana do Forró e precisa valorizar ao máximo esse profissional da sanfona, base primordial desse nosso costume histórico. Também, a partir de hoje lutaremos para criar a escola de sanfona, com a orquestra sinfônica de Senhor do Bonfim, uma meta não só da Cultura, mas de todo o governo”.

Mais sanfoneiros - Ademário Freitas, Zé Bonfim; Zé Luiz; Candinho; Mariano, Givaldo, Expedito, Filó, Cancão; Torquato Luiz e Vagner Rosa, além dos vereadores João Carlos Bernardes (Biro-Biro) e Gilberto Pires (Bel).

ASCOM

DOE SANGUE PARA AJUDAR ALGUÉM A CONTINUAR VIVENDO


O Brasil necessita aumentar o número de doações de sangue.

Como é do conhecimento de grande parte da população, o sangue não se fabrica artificialmente e só o Ser Humano o pode doar. Dessa forma, o sangue existente nos hemocentros depende diariamente de todos os que decidem doá-lo em solidariedade àqueles que estão com a saúde debilitada.

Segundo a Fundação Pró-Sangue, a cada 2 minutos algum paciente necessita de transfusão no Brasil. Todavia, o número de doadores ainda é pequeno em nosso país, menos de 2% da população. Isso faz com que os hemocentros enfrentem problemas com o paupérrimo estoque de bolsas de sangue. Os principais fatores que causam esse empecilho são o preconceito, a falta de orientação e o medo de fazer a doação.

Se não há sangue num hospital, os procedimentos médicos de grande porte, como cirurgias cardíacas e alguns transplantes são extremamente prejudicados. Se o paciente fizer quimioterapia, por exemplo, e não receber o suporte da transfusão, poderá não suportar o tratamento.

Portanto, é importante que a sociedade compreenda que não se deve doar sangue somente quando um parente ou amigo necessita, mas sim frequentemente para que os estoques dos hemocentros não sejam prejudicados pela escassez sanguínea. Se os hemocentros puderem contar com as pessoas saudáveis que façam doações regularmente, em pouco tempo o país terá uma população doadora capaz de sanar as dificuldades dos bancos.
O sangue doado é rapidamente reposto pelo organismo. O doador não sofre nenhum prejuízo.

Além disso, uma doação pode salvar até três vidas.

Priscila Pacheco