quinta-feira, 9 de junho de 2011

SESSÃO NA CAMARA DE VEREADORES DIA 09 DE JUNHO

Para onde foi o dinheiro da folha da prefeitura de Bonfim
O Vereador Laércio Muniz do PTN apresentou requerimento, solicitando do executivo municipal informações acerca da destinação aos recursos recebidos do banco do Bradesco, resultantes da negociação realizada entre o município de Senhor do Bonfim e a citada instituição Bancária, sobre a folha de pagamento dos servidores municipais.

Falta de Prestigio do PT

O Vereador Laércio do PTN na tribuna da Câmara falou do disparate de Juazeiro em Relação à cidade de Senhor do Bonfim.
“Juazeiro recebeu 80 milhões para saneamento e calçamentos enquanto Senhor do Bonfim, recebeu a merreca de hum milhão e ficam todos batendo palmas com essa ninharia”.
Laércio citou ainda a reforma total do asfaltamento de Juazeiro e Senhor do Bonfim do PT, faz reforma com asfalto de péssima qualidade.
O edil, falou ainda que a chefia do INSS, que substituiu dona Nilda, vem de Irecê, pois nossos políticos não tiveram prestigio para indicar um filho da Terra.
O Vereador disse que pediu investigação do ministério publico sobre a reforma do mercado municipal, que esta com o teto desabando.
Na barroca do Faleiro o município esta tapando os buracos das estradas com lixo, em um completo desrespeito aos moradores.

Prestação de contas do 1º quadrimestre de 2011

Na próxima terça-feira dia 14, acontecerão duas Sessões na Câmara Municipal de Senhor do Bonfim, às 16 horas, audiência Pública para prestação de contas do 1º quadrimestre por parte do Município, às 19 horas, Sessão ordinária, quando logo após os vereadores entrarão em recesso.

Prefeito pede autorização para contratar Nutricionistas
Foi aprovado projeto de Lei do Executivo de Nº 014/2011, que pede autorização para contração de duas nutricionistas para servir a Secretaria de Educação do Município, uma vez que a ex- titular do cargo, Andréia, pediu exoneração por ter passado no concurso do IF – Baiano, como a mesma exercia 40 horas, as duas contratas, farão 20 horas, cada.

Carlos fez um balanço da gestão do atual governo
O Vereador Carlos do Tijuaçu do PHS fez um discurso apimentado na tribuna da Câmara, em sua fala ele disse que o município já entregou oito quadras.
Carlos de Tijuaçu desafiou o Vereador Laércio Muniz a mostrar na próxima sessão, documentos que prove que o dinheiro das escolas de Passagem Velho e Tijuaçu já caiu na conta da prefeitura e provar ainda onde foram gastos, para Carlos, falar é fácil, provar é que é difícil. O edil, Ironizou Laércio Muniz sendo solidário ao Presidente da Câmara BIRO BIRO que Laércio afirmou que Biro Biro veio para Bonfim para sofrer. .

Ortopedista um problema crônico no Regional
O Vereador Bel do PSB pediu providencias sobre o péssimo tratamento que o único ortopedista que atende no Hospital Regional, vem dando aos pacientes que se dirigem aquela casa de Saúde.

Reconhecimento para quem faz a diferença
O Vereador Gerivaldo Sampaio do PSC parabenizou o desportista Pedro Neto, do Vitorinha, que trabalha com mais de 200 crianças, tirando as mesmas das drogas e prostituição e que essa ação merece reconhecimento sobre aqueles que fazem a diferença.

Emancipação do Distrito de Igara
O Vereador Helson de Carvalho do PMDB disse na tribuna da Câmara, que o distrito de Igara, esta entre os nove municípios aspirantes para serem emancipados, Helson falou que vai encabeçar um movimento afim que Igara, já tenha eleições para prefeito em 2012.

Câmara entra em Recesso
Biro-Biro do PV disse que já estava sentindo falta dos discursos daquela casa legislativa, uma vez que na próxima terça-feira dia 14, o Legislativo entra em Recesso.

ASCOM- CAMARA

Erradicação de 130 pés (mudas) de maconha, em Campo Formoso


Por voltas das 09h00min do dia 09 de junho do ano em curso, foi deslocada uma Guarnição da Polícia Militar da 54ª CIPM para averiguar uma denuncia anônima, feita através de telefone 190, denunciando a movimentação de pessoas estranhas em uma pequena barragem no interior de uma Fazenda que está a venda, proximo ao povoado de Campo Frio, município de Campo Formoso, o denunciante informou ainda que, na citada fazenda não têm trabalhadores e mesmo assim tem pessoas utilizando da água da barragem. Ao chegar ao local foi realizada uma varredura em torno da citada barragem, sendo localizado um giral de madeira com 05 (cinco) sacolas plástica com aproximadamente 130 (cento e trinta) mudas da erva cannabis sativa (maconha), prontas para serem plantadas. Foram apresentados 30 (trinta) pés da erva na Delegacia de Polícia Civil em Campo Formoso e o restante foi destruído no local.

III CONFERÊNCIA TERRITORIAL DOS DIREITOS DO IDOSO

REUNIÃO COM COMERCIANTES E AMBULANTES DO SÃO JOÃO HOJE NO CENTRO CULTURAL

SECRETARIA DE INDÚSTRIA, COMÉRCIO E TURISMO

A Secretaria de indústria, Comércio e Turismo, convoca a todos os ambulantes que irão trabalhar no circuito 2011(Parque da Cidade e Forrobodó) para reunião que será realizada no Centro Cultural de Senhor do Bonfim, com a seguinte pauta:

Palestra com SEBRAE sobre manipulação de alimentos e atendimento ao público;
Sorteio dos pontos de isopor do São João 2011;


Local: Centro Cultural de Senhor do Bonfim.
Horário: 16:00 horas.
Dia 09/06/11 – Quinta Feira

PIPOCA
BARRACA GRANDE
CAPETEIROS
LICOR LANCHE
BRINQUEDOS
ARTESANATO
ACARAJÉ
ISOPOR


Secretário de Indústria, Comércio e Turismo
Coordenador do São João 2011
Cláudio Nunes

Assembleia aprova, por unanimidade, manutenção da greve


Reunidos em assembleia geral na manhã e tarde de hoje (08/06), os professores deliberaram pela manutenção da greve por tempo indeterminado. A aprovação foi por unanimidade. Na ocasião, avaliou-se que as negociações, reabertas nesta segunda, não chegaram ao fim, pois há problemas na nova proposta do Governo (veja aqui as duas propostas, uma referente ao Acordo Salarial e outra ao Decreto 12.583/11). A categoria destacou que a radicalização do movimento, ao ocupar a Assembleia Legislativa, foi acertada e que o recuo do Governo, ao retomar as negociações, foi resultado dessa ação.

O Governo dividiu a pauta do movimento (incorporação da CET e discussão do decreto 12.583/11) em dois documentos. Em relação ao Acordo salarial, o governo oficializou a proposta discutida na Mesa Setorial de Negociação do dia 06, necessitando, segundo a assembleia, de algumas modificações. Para a categoria, o Governo precisa deixar claro, no Termo de Acordo, que o Projeto de Lei de Incorporação da CET deverá ser enviado à Assembleia Legislativa imediatamente após a assinatura do Acordo. Outra condição para fechar a negociação em relação à CET é retirar o item 4 do texto que se refere aos salários suspensos. De acordo com os professores, o pagamento dos salários está garantido pelo Supremo Tribunal Federal e, portanto, não deve constar como item de negociação.

Na proposta sobre o Decreto, no entanto, permanece, em muitos pontos, a intransigência do Governo. Em primeiro lugar, o documento é denominado de Termo de Compromisso e não Termo de Acordo. Em segundo lugar, continua a condicionar o início da discussão sobre os impactos do Decreto nas Universidades Estaduais ao final da greve e propõe apenas reuniões trimensais.

A assembleia deliberou que a ADUNEB leve para a Mesa de Negociação a mudança na denominação do Termo, bem como a exigência de que as reuniões deverão ser mensais e que tenham o papel não só de discutir, mas também de definir soluções em relação aos impactos do Decreto. A categoria deliberou que no artigo referente aos processos de promoção e progressão sejam acrescidos os processos de Mudança de Regime de Trabalho, destacando que todos eles deverão tramitar unicamente no âmbito de cada UEBA e que sejam implantados em folha imediatamente após o seu deferimento, sem qualquer ingerência do Governo. A autonomia das Universidades em relação à tramitação desses processos é garantida pelo Estatuto do Magistério Superior, mas o Governo tem desrespeitado reiteradamente este direito.

Haverá uma reunião com o Governo na próxima sexta (10). Nesta reunião, o movimento levará a contraproposta para avaliação. Em assembleia, os professores da UEFS, UESB e UESC também mantiveram a Greve.

Foto: Raíza Rocha/ADUNEB