quarta-feira, 13 de julho de 2011

Secretaria de Saúde de vai realizar 2ª Conferência Municipal de Saúde

A cidade de Ponto Novo está se preparando para realizar a 2ª Conferência Municipal de Saúde. Com o tema "Todos usam SUS. SUS na Seguridade Social, Política Pública, Patrimônio do povo brasileiro".

O evento será realizado no dia 20 de julho, das 8h00 às 17 horas, na Câmara Municipal de Vereadores de Ponto Novo , e tem os seguintes objetivos:

Avaliar a situação de saúde de acordo com os princípios e as diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS), definir diretrizes para plena garantia da saúde como direito fundamental do ser humano e como política de estado, e definir diretrizes que possibilite o fortalecimento da participação social na perspectiva da plena garantia da implementação do SUS.

O evento será coordenado pela secretária de saúde, Mara Simone. "Este será um momento da sociedade pontonovense definir diretrizes para o avanço e a garantia de saúde como direito fundamental no desenvolvimento humano, econômico e social", destacou a secretária.

Corregedoria conclui que Polícia plantou droga em carro de Cabrini em 2008


A Corregedoria da Polícia Civil de São Paulo concluiu que o jornalista Roberto Cabrini foi vítima de uma armação em 2008, quando foi preso por tráfico de drogas. Na época, o jornalista fazia uma reportagem sobre o tema e foi encontrado com dez papelotes de cocaína no interior de seu carro.

Segundo informações da Corregedoria, a droga foi “plantada” no carro do repórter - e atual apresentador do programa Conexão Repórter - do SBT. Ainda conforme a Corregedoria, seis policiais, um delegado, uma comerciante e um empresário estariam envolvidos na armação.

De acordo com investigações, o empresário Oscar Maroni, dono da boate Bahamas - e preso por manter uma casa de prostituição - é apontado como um dos suspeitos pela armação contra o jornalista.

Segundo o relatório da Corregedoria, a prisão de Cabrini seria uma retaliação contra matérias sobre a casa de prostituição do empresário.

Politica hoje

Municípios se do Piemonte definem prioridades para PPA 2012/2015



A Coordenação Estadual dos Territórios de Identidade da Bahia realizou nesta terça-feira (12) no Centro Vocacional Tecnológico Territorial de Senhor do Bonfim (CVTT), uma reunião extraordinária com os representantes dos nove municípios do Piemonte Norte do Itapicuru para definir 25 prioridades, dentre as 69 já aprovadas para o Plano Plurianual Participativo (PPA 2012-2015).
Prioridades:
• Construção de um Hospital Base.
• Implantação de estações de tratamento de esgotos em todos os municípios do Território.
• Consolidar a gestão dos resíduos sólidos no Território através de consórcios públicos Recuperação das BA – 220 (Andorinha- Senhor do Bonfim – Caldeirão Grande para Saúde) BA - 172 - (Jaguarari - Jacunã - Gameleira - Santa Rosa - Pilar - Uauá – Sr. Bonfim - Quicé - Itiúba) e manutenção das estradas vicinais.
• Aceleração dos processos de Regularização Fundiária e Reforma Agrária.
• Criação de Casas de Acolhimento à mulher, à criança, ao adolescente e ao idoso. Fortalecimento da Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER) para os Agricultores Familiares.
• Construir abatedouro territorial, implantar e reestruturar unidades de beneficiamento ou processamento na produção agroindustrial priorizando a Agricultura Familiar.
• Apoio à estruturação da cadeia de caprinocultura (leite e corte).
• Recuperação dos mananciais, matas ciliares e criação de unidade de conservação nas nascentes do Itapicuru.
• Criação de roteiros turísticos e programas de qualificação na área do turismo.
• Ampliar o programa de construção de barragens e cisternas (Programa Água para Todos).
• Ampliação de Pontos de Cultura no território com foco na formação nas diversas áreas (teatro, fotografia, musica, dança, edição de vídeo).
• Apoio à estruturação da mandiocultura.
• Apoio à estruturação da apicultura.
• Implantar CAPS AD e centro de recuperação para dependentes químicos.
• Implantar centro de reabilitação para os portadores de necessidades especiais com apoio do Centro Estadual de Prevenção e Reabilitação de Deficiência.
• Implementação de Escola de tempo integral.
• Implantação do Centro De Economia Solidária (CESOL).
• Reformar e ampliar o Hospital Dom Antônio Monteiro para referenciar o território na média e alta complexidade.
• Apoio à estruturação da cadeia do sisal.
• Implantar programa de recuperação e proteção da caatinga com ênfase nas áreas sujeitas a desertificação.
• Beneficiamento de frutas nativas e cultivadas com certificação orgânica.
• Dotar a zona rural de rede de eletrificação que suporte a utilização de máquinas e equipamentos que se utilizam de redes trifásicas.
• Oferta dos itens da farmácia básica conforme solicitação dos municípios.