sexta-feira, 20 de abril de 2012

Agências da Caixa abrirão 1 hora antes


As agências da Caixa Econômica Federal abrirão uma hora mais cedo a partir de segunda-feira (23) por conta da alta procura de clientes interessados nas linhas de crédito com juros reduzidos anunciadas pelo banco no último dia 9. O novo horário de abertura irá vigorar até o dia 11 de maio.

O blog Maravilha Notícias em contato com o gerente da Caixa em Senhor do Bonfim, Sr. Washington, foi informado que a agência local irá seguir o novo horário determinado, ou seja, as portas estarão abertas as 09 às 15h00min, partir da próxima segunda-feira (23).

COMUNIDADE DE SÃO JORGE HOMENAGEIA SANTO PADROEIRO

A Comunidade da Bairro São Jorge, na Grande Gamboa convida a todos para a missa em, Homenagem a São Jorge, dia 23 de Abril próxima 2ª feira as 19h30min na capela Cristo Rei.

Agradecemos a sua Presença!!!

Perpetua.

OPORTUNIDADE DE EMPREGO


DIVULGAÇÃO DE VAGAS
SINEBAHIA/ SAC – Senhor do Bonfim
Está selecionando candidatos à vaga de:


Analista de suporte de Direito:

 3º grau completo ou cursando Direito;
 Sexo indiferente;
 Experiência na área .

Instrutor de Informática:

 2º grau completo;
 Sexo indiferente;
 Experiência de 03 meses

Professor de inglês :

 3º grau incompleto;
 Sexo indiferente;

Administração de Empresas :

 Estudante ou nível superior completo;
 Ambos os sexos;

Gerente de Restaurante:

 2º grau completo;
 Sexo Masculino;
 Experiência de 06 meses na CTPS.

Encarregado de Encanador:

 1º grau completo;
 Sexo masculino;
 Experiência de 06 meses na CTPS.

Garçom:

 1º grau completo;
 Sexo indiferente;
 Experiência de 06 meses.

Carpinteiro:

 1º grau completo;
 Sexo masculino;
 Experiência de 06 meses na CTPS.

Cozinheira de Forno e Fogão:

 1º grau Completo;
 Ambos os Sexos;
 Experiência de 06 meses ;

Atendente de ótica:

 2º grau completo;
 Sexo Feminino;
 Experiência de 06 meses ;


Atendente de Farmácia:

 2º grau completo;
 Sexo Feminino;
 Experiência de 06 meses em CTPS.

Técnico em Edificações:

 2º grau Completo;
 Sexo indiferente;
 Experiência de 06 meses em CTPS;
 Curso Técnico em Edificações.

Balanceador e alinhador de Autos:

 1º grau completo;
 Sexo masculino;
 Experiência de 06 meses ;
 Possuir habilitação cat. A/B.

Operador de Retro-Escavadeira:

 1º grau incompleto;
 Sexo indiferente;
 Experiência de 06 meses.

Encarregado de Eletricista:

 1º grau completo;
 Sexo masculino;
 Experiência de 06 meses na CTPS.

Os interessados devem comparecer ao SINE/SAC
– Senhor do Bonfim.
Horário de comparecimento ao posto: dás 07h ás 15h00min.

Câmara de Cansanção utiliza brasão da cidade de Itiúba em seus documentos oficiais


A Câmara de Vereadores de Cansanção, publicou recentemente no diário oficial do legislativo as portarias de 16 novos funcionários comissionados.
A relação dos novos funcionários não é nenhuma novidade quando se trata do legislativo Cansançãoense, o que nos chamou muito a atenção foi o fato da Câmara utilizar o Brasão da Cidade de Itiúba como timbre em todas as portarias.
Como pode a casa da cidadania fazer publicações oficiais com timbre de outra cidade? sinceramente não sei! outro pequeno erro percebido foi o fato das portarias serem de 2012, e a data no final da página está 2011.

O link abaixo abre o diário oficial do legislativo, aproveite a oportunidade para ficar conhecendo os novos funcionários da casa da cidadania.

http://www.diariooficialdosmunicipios.org.br/sitesMunicipios/temp/2012_03_0613001601.pdf?CFID=1226997&CFTOKEN=41183861

http://portaldenoticias.net

Gustavo Miranda cobra do Prefeito compromisso assumido com estudantes Bonfinenses


Na sessão realizada nesta quinta-feira (19/04) na Câmara Municipal de Senhor do Bonfim, o vereador Gustavo Miranda (PCdoB) fez o uso da tribuna para cobrar do Prefeito Paulo Machado do repasse mensal entre prefeitura/transporte dos estudantes que se deslocam para as cidades de Juazeiro e Petrolina. “É um absurdo o descaso que essa prefeitura tem com os jovens da nossa cidade. Falta compromisso, atitude e acima de tudo responsabilidade com nossa juventude, virou praxe assume e não cumpre. Ainda tem vereador que defende. A população está atenta.” concluiu o vereador Gustavo.


ASCOM

Canoart Apresenta "O museu da Emilia"

Trata-se de um texto infantil que mistura personagens do Sítio do Pica-pau amarelo com outros contos, uma história cheia de aventuras e diversão. Como não poderia ser diferente Emilia, a grande protagonista, se destaca tanto nas travessuras como no desenrolar da história.
O maior desafio da turminha do Sítio é proteger a menina de Capinha Vermelha do terrível Lobo Mau, para isso contam com a coragem de Pedrinho, as astucias de Tia Nastácia, a sabedoria de Visconde de Sabugosa, os incentivos de Narizinho, os conselhos de Dona Benta e a sapeca espontaneidade de Emilia.
Para conferir tudo isso, e saber como a turma vai ajudar a menina de Capinha Vermelha a se livrar do terrível vilão, assista ao espetáculo Museu da Emilia, e divirta-se conosco!
Até o teatro !!

ESPETÁCULO O MUSEU DA EMILIA
Local: Centro Comunitario (Igara)
Data: 22/04/2012(Domingo)
Horário: Ás 15h00min
Valor: R$ 2,00

Ficha técnica

Direção - Alexandrina Carvalho
Codireção - Viviane de Santana
Elenco: Julia Castro, Monalisa Salazar, Jhonatan Bento, Paula Julliana, Bruno Hayalla, Viviane Marinny, Danielle Silva, Marcos Martins.
Sonoplasta: Mauricio Martins
Cenógrafo: Anderson Barreto, Messias Martins.
Figurinista: Antônio Sobrinho
Maquiagem: Viviane Marinny, Monalisa Salazar.
Realização: Grupo Canoart
Produtor: Anderson Barreto
Assessoria de Comunicação: Conceição Lins
Apoio: Padre Elielton, Paróquia de Santo Antônio de Igara, Ivan Barbosa, Pró Bia, Creche pedacinho do céu, D.Cristina, Seu Chico,Felipes e Thiago Francisco, Colégio Mariana Agostinha de Oliveira.

Observação (Esse dinheiro vai ser para comprar o figurino da quadrilha junina que custa em torno de R$ 1.600,00. Por esse motivo estaremos trabalhando todos finais de semana)

DOIS ASSALTOS NAS ÚLTIMAS 12 HORAS NA BR 407

Quando retornavam da cidade de Canudos, funcionários da SCHIN foram surpreendidos por três elementos, armados em um veículo Gol de cor vermelha, quando o motorista reduziu a velocidade nos quebra-molas do povoado de Estiva zona rural de Senhor do Bonfim. Quando dois dos elementos já com armas em punho e dolado de fora da janela do carro anunciavam assalto, obrigando o motorista a parar o caminhão.
De acordo com o motorista foi roubado um aparelho celular e um valor aproximado de R$ 1.900,00.

O segundo assalto aconteceu por volta das 23h50min, quando três elementos atravessaram uma carreta na pista de rolagem da BR 407, no povoado de flamengo zona rural de Jaguarari, onde outra carreta que seguia atrás reduziu para não colidir e o motorista foi surpreendido por três elementos que saíram com arma de cano longo anunciando assalto levando também do motorista dois celulares, bolsas e R$ 1.900,00.
A segunda carreta retornava do município de Juazeiro sentido Bonfim, o fato foi comunicado aos patrulheiros na Delegacia 10/04 de PRF, que conduziu oo caso à Delegacia Territorial de Bonfim, depois de terem feitos buscas no local porém sem êxito.

Maravilha Notícias

ANDORINHA: Cadastros para Vacinação contra Febre Aftosa continuam até o dia 30 de Abril


A Prefeitura de Andorinha através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente juntamente com o escritório Regional da ADAB comunica a todos os criadores de animais que os cadastros para VACINAÇÃO contra FEBRE AFTOSA continuam até o 30 de maio. A equipe da Secretaria e ADAB informam que os cadastros dos rebanhos está sendo realizado na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente no setor da ADAB, situada a Av Jose Gorgosinho de Carvalho Silva, S/N." CADASTRE-SE E VACINE SEU GADO ".

ASCOM ANDORINHA

A COMPETÊNCIA PARA JULGAMENTO DE CONTAS DE GESTORES PÚBLICOS


*Maraísa Santana

Todos os gestores públicos responsáveis por ordenamento de despesas, isto é, que possuem atribuições para gerir valores públicos estão obrigados a prestar contas aos respectivos Tribunais: gestores federais prestam contas ao TCU-Tribunal de Contas da União; gestores estaduais prestam contas aos TCEs – Tribunais de Contas dos Estados e gestores municipais prestam contas aos Tribunais ou Conselhos de Contas dos Municípios.

Aos chefes dos poderes executivos (presidentes da República, governadores de Estados e prefeitos Municipais) os respectivos Tribunais apenas emitem pareceres sobre as suas prestações de contas, resultantes de suas execuções orçamentárias, porque, nesses casos, os Tribunais funcionam como órgãos auxiliares dos respectivos poderes legislativos (Congresso Nacional, Assembleias Legislativas e Câmaras Municipais), competindo a esses oderes legislativos o JULGAMENTO das contas.

As contas dos demais gestores públicos são recebidas, analisadas e julgadas pelos respectivos Tribunais, observando-se princípios constitucionais assegurados aos responsáveis, a exemplo do devido processo legal (existência de um processo), direito ao contraditório (direito de contradizer situações questionadas pelos Tribunais) e direito a ampla defesa (direito de apresentar a defesa que tiver em seu favor).

Há apenas uma hipótese em que o Chefe do Poder Executivo tem contas julgadas por um Tribunal de Contas. É o caso de um Município que faz convênio com o Governo Federal, recebendo deste, verba para alguma ação. Se o Município não prestar contas desse convênio compete ao Tribunal de Contas da União julgar o processo de Tomada de Contas, condenando o gestor municipal que não prestou contas. Essa mesma situação pode ocorrer nas hipóteses de convênios entre Município e Estado. A competência para julgar o processo de Prestação ou Tomada de Contas do Prefeito será do TCE (Tribunal de Contas do Estado).

Evidentemente, o opinativo dos Tribunais de Contas tem peso técnico de importante significância, porque é a opinião de técnicos que analisaram detalhadamente os aspectos documentais das prestações de contas que lhes foram apresentadas, o que confere a esses opinativos força moral de igual significância, porque os integrantes dos poderes legislativos, a quem compete o julgamento formal dessas contas, não possuem conhecimento técnico igual ao dos técnicos dos Tribunais.

Por isso é que o Julgamento das Contas dos Chefes dos Poderes Executivos se constitui em Julgamento Político, a partir de um Processo Político-Administrativo instaurado para esse fim (é o princípio constitucional do devido processo legal), devendo o gestor responsável ser intimado para apresentar defesa (princípio constitucional do contraditório) e apresentar as provas que tiver (princípio constitucional do direito à ampla defesa).

Quando as contas dos Chefes do Poder Executivo são apresentadas mensalmente e os Tribunais constatam alguma irregularidade material (erro em documentos) ou formal (descumprimento de normas estabelecidas), promovem diligências, chamando o responsável para corrigir ou explicar as razões daquelas irregularidades. Aí podem ocorrer irregularidades consideradas sanáveis (que podem ser corrigidas) e as irregularidades insanáveis (que não podem ser corrigidas). São as irregularidades insanáveis que levam os Tribunais a opinarem pela rejeição de contas de Chefes dos Poderes Executivo.

É exemplo de irregularidade sanável, a falta de algum documento que não foi apresentado na prestação de contas e que é apresentado posteriormente em diligência promovida pelos Tribunais de Contas. Já a irregularidade insanável é aquela que não pode ser corrigida, a exemplo de descumprimento de aplicação de percentual constitucional de receita, prevista para Educação, Saúde, etc.

Supondo-se que as aplicações em Educação devem alcançar o percentual das receitas no mínimo de 25% (vinte e cinco por cento) e o gestor aplicou apenas 20% (vinte por cento), chamado a explicar o que motivou a aplicação a menor do que é exigido, o gestor não consiga provar que houve a aplicação mínima, tal situação motivará a emissão de opinião pela rejeição da prestação de contas, porque o gestor incorreu em erro formal (descumpriu norma estabelecida para aquele fim), cometendo uma irregularidade insanável.

Levadas as contas anuais do Chefe do Poder Executivo, na hipótese de Prefeitos, ao Poder Legislativo, compete à Câmara Municipal proceder o JULGAMENTO. Nesse julgamento, o Chefe do Poder Executivo é chamado a apresentar defesa Preliminar e apontar as provas que achar convenientes para dar suporte às suas razões de defesa. Realizada a instrução do processo, novamente o Chefe do Poder Executivo é chamado a apresentar Alegações Finais e em seguida o processo é apresentado à Mesa Diretora da Câmara que designa Sessão de Julgamento.

Na Sessão de Julgamento é facultado ao Chefe do Poder Executivo promover a sua defesa em Plenário, pessoalmente, ou através de profissional de advocacia devidamente habilitado. Se o opinativo do Tribunal for pela REJEIÇÃO, a Câmara poderá modificá-lo pelo voto de 2/3 (dois terços) dos seus membros. Não obtendo esse quórum, fica mantido o opinativo do Tribunal e as contas são julgadas como rejeitadas, tornando o responsável inelegível por 08 (oito) anos subsequentes.

Como se vê, Tribunais de Contas JULGAM contas de todos os demais gestores públicos ordenadores de despesas, mas NÃO JULGAM as contas dos Chefes dos Poderes Executivo, porque essa competência pertence aos respectivos Poderes Legislativos.

*Maraísa Santana é advogada, especializada em Direito Público Municipal com Habilitação para o Ensino Superior de Direito, integrante do Escritório SANTANA ADVOCACIA, com unidades em Senhor do Bonfim (Ba) e Salvador (Ba).

BEM-ME-QUER INOVA COM EVENTO "KIBOM LER" COMEMORANDO AO DIA DO LIVRO


A criançada do Centro Educacional Professora Edneilda Marques foi surpreendida, em comemoração ao Dia do Livro Infantil, com o lançamento do projeto “Kibom Ler”, onde os alunos puderam assistir a peças teatrais, assim como ouvir histórias encenadas por artistas da própria escola. Os mesmos se caracterizaram de personagens infantis, levando assim cultura e despertando o desejo de forma diferenciada pela leitura.
“A leitura pode ser divertida, uma vez que é uma viagem, basta escolher bem o destino.”