segunda-feira, 3 de outubro de 2016

ECONOMIA: GREVE DOS BANCÁRIOS CHEGA AO 28º DIA


O Sindicato dos Bancários da Bahia comunicou, nesta segunda-feira, uma assembleia geral "que vai avaliar a greve e definir os próximos passos" da categoria. O encontro acontece hoje a partir das 18h30, no Ginásio de Esporte, situado na ladeira dos Aflitos. Segundo o sindidato a greve continua por conta do "posicionamento dos bancos durante as negociações, de inflexibilidade e intransigência"
De acordo com os trabalhadores, a "Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) mostra-se irredutível e mantém a proposta que não condiz com a realidade dos altos lucros obtidos pelo setor financeiro".
Diz a nota ainda que "enquanto os cinco maiores bancos em atividade no país lucraram R$ 29,7 bilhões, os banqueiros propuseram reajuste de apenas 7% para os salários e demais verbas, índice bem abaixo da inflação do período, que é de 9,62%."

A greve dos bancários já dura 28 dias. Os trabalhadores reivindicam reajuste de 14,78%; participação nos lucros; piso no valor do salário mínimo do Dieese (3.940,24 reais), e vales alimentação, refeição, e auxílio-creche no valor do salário mínimo nacional (880 reais). Também é pedido décimo quarto salário, fim das metas abusivas e do assédio moral.

Metro1