quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

ESPORTE: RETORNO DAS ATIVIDADES DO PROATIVO DO 6º BPM


A coordenação do PROATIVO (Programa de Atividade Física) do 6º BPM informa que iniciará suas atividades no dia 16 de fevereiro de 2016, terça-feira, permanecendo os mesmos dias e horários nas bases do Parque da Cidade (segundas, terças e quintas), Populares (terças e quintas), Bonfim III (quartas e sextas) e na cidade de Campo Formoso (terças e quintas), das 16h00 às 18h00.


6° Batalhão de Polícia Militar
Seção de Comunicação Social

ECONOMIA: AGORA EM SENHOR DO BONFIM A MAIS NOVA LOJA FRANQUEADA TROCA CRÉDITOS


Transforme o Limite do seu Cartão de Crédito em DINHEIRO NA HORA e ainda parcele tudo em até 12 vezes iguais.



EMBASA: QUEDA DE ENERGIA AFETA ABASTECIMENTO DE ÁGUA EM EUCLIDES DA CUNHA, CANSANÇÃO, MONTE SANTO, NORDESTINA E QUIJINGUE


A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) informa que uma queda de energia elétrica ocorrida na tarde de ontem (27) suspendeu os processos de captação, produção e bombeamento de água do Sistema Tucano I, afetando o abastecimento em Euclides da Cunha, Cansanção, Monte Santo, Nordestina e Quijingue. Segundo a Coelba, o fornecimento da energia elétrica será restabelecido ainda hoje (28). Quando isto ocorrer, o Sistema de Abastecimento de Água entrará novamente em operação, atendendo gradativamente todos os moradores. A Embasa pede a compreensão de todos.

Atenciosamente

Assessoria de Comunicação da Embasa
74 – 3541 8400

PROMOÇÕES NO HIPERMERCADO DIA A DIA


Aproveite as promoções do Hipermercado Dia a Dia


Leite pó Ideal 200g 2.89
Leite pó Ninho 800g 17.49
Mucilon Sacher 230g 3.69
Refrigerante Refri. 2 litros 2.55
Arroz Bello Rizo 1kg 2.39
Suco Delvalle 1.500ml 2.99
Leite Liquido 1lt 3.10
Café pó Santa Clara 250g 3.95
Biscoito Vitarella Cream Cracker 400g 2.69
Fralda descartável Perssonal Mega 32.99
Sabão pó Brilhante 1kg 5.99

Conheça nossa LANCHONETE.

Praça do Campo do Gado em Senhor do Bonfim.

No último dia 23 de janeiro aconteceu em Bonfim um jogo entre a equipe Bahia Bonfinenses e a Juazeirense, quando na oportunidade foram arrecadados vários quilos de alimentos não perecíveis.

Já no início dessa semana a Diretoria, comissão técnica junto a atletas , além do supervisor do Bahia Bonfinense e o Auxiliar Técnico Sidnei Alves, fizeram a entrega dos alimentos no Lar dos Idoso, na oportunidade aproveitaram e conheceram as novas instalações recém reformadas.

ANDORINHA: PREFEITO DE ANDORINHA CANCELA CARNAVAL PARA CUIDAR DOS ESTRAGOS CAUSADOS PELA CHUVA


A prefeitura de Andorinha confirma o cancelamento do tradicional Carnaval dos Caretas que seria realizado em fevereiro. O motivo é à situação de emergência decorrente das chuvas. Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, formam registrados aproximadamente 500 milímetros de chuva somente no mês de janeiro. O excesso de chuvas causou diversos estragos em todo município.

“O dinheiro que seria usado para realização do evento deve ser direcionado para reconstrução de áreas, ruas, avenidas e diversos outros prejuízos causados pela chuva”. Afirmou o Prefeito Zé Branco, após assinar o Decreto 029\2016 que declara situação de Emergência no município.

COMITÊ DE AÇÕES EMERGENCIAIS

A prefeitura de Andorinha criou esta semana um comitê de ações emergenciais para assistência das vitimas das chuvas. No local, uma equipe da Defesa Civil está de plantão atendendo as necessidades da população diariamente. O Comitê fica localizado na sede da Secretaria de Cultura, Rua José Gomes de Araújo, centro da cidade. Telefones para contato: (74) 99122-1030 ou 99120-2217.

ASCOM

AGRICULTURA: CAAFTIPNI REALIZA A ASSEMBLÉIA DE AVALIAÇÃO E PLANEJAMENTO NESTA QUINTA EM BONFIM


A Central das Associações da Agricultura Familiar do Território do Piemonte Norte do Itapicuru – CAAFTIPNI realizará nesta quinta-feira dia 28 de janeiro de 2016 ás 09h30 (será o dia todo) no Auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Senhor do Bonfim sua ASSEMBLEIA ANUAL DE AVALIAÇÃO E PLANEJAMENTO, com o objetivo de avaliar suas AÇÕES NO ANO DE 2015 E PLANEJAR AÇÕES PARA O ANO DE 2016.

Segundo a coordenadora Damiana Duarte da CAAFTIPNI. “Em 2015 foi um ano de muitas lutas e ações concretas alcançadas com o apoio do VEREADOR RÊ DO SINDICATO, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Senhor do Bonfim, Fetraf-Bahia, COOTRAF e CAF. Hoje a CAAFTIPNI tem abrangência territorial, onde antes era municipal, além disso, está credenciada no Sistema Informatizado para Entidades Prestadoras de Assistência Técnica (SIATER) e na Secretaria Estadual de Educação, onde está apta a vender os produtos da Agricultura Familiar ás escolas de todo o Estado ampliando a venda dos Grupos Produtivos que já fornecem para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), além do mais a CAAFTIPNI também participou das organizações das Conferências Territoriais, uma vez que ocupa a cadeira da Coordenação do Colegiado Territorial. Além disso, a CAAFTIPNI está junto com o VEREADOR RÊ DO SINDICATO (PHS) E COORDENADOR DO TERRITÓRIO DO PIEMONTE NORTE DO ITAPICURU (TIPNI) e SINDICATO DOS TRABALHADORES RURAIS DE SENHOR DO BONFIM, representada por LUCIENE DA SILVA, articulando as associações para acessarem as políticas públicas, onde apresentou dezenove (19) manifestações de interesse do Projetos do Bahia Produtiva sendo três aprovados. Que foram as seguintes aprovadas: Fabrica de Polpa de Frutas, Kit de Galinha Caipira e Estrutura de Irrigação. Portanto, todas estas conquistas só foram possíveis por conta do apoio do VEREADOR RÊ DO SINDICATO que não tem mede esforços para efetivação dos direitos da Agricultor Familiar, e toda equipe do Sindicato das trabalhadores Rurais de Senhor do Bonfim”, acrescentou a Coordenadora da CAAFTIPNI Damiana Duarte.

ASCOM

EDUCAÇÃO: IF BAIANO – CAMPUS SENHOR DO BONFIM DIVULGA CRONOGRAMA DE MATRÍCULA


Aprovados no Processo Seletivo 2016 devem ficar atentos às chamadas

Em fevereiro, inicia o período de matrícula para os aprovados nos cursos de agrimensura (modalidadesubsequente), agropecuária (modalidade integrada), informática (modalidade subsequente) e zootecnia (modalidade subsequente) do Processo Seletivo 2016 do Instituto Federal Baiano (IF Baiano) – Campus Senhor do Bonfim.

Segundo cronograma, as datas para as chamadas são: zootecnia, informática e agrimensura (16 a 18 de fevereiro) e agropecuária (1o a 3 de março). Assim, os candidatos aprovados devem comparecer à Secretaria de Registros Acadêmicos (SRA) do IF Baiano com originais e cópias de documentos (ver edital).

Edital - http://concurso.ifbaiano.edu.br/portal/discente20161/wp-content/uploads/sites/26/2016/01/SBF_EDITAL-DE-MATR%C3%8DCULA-20161.pdf

Mais informações: http://concurso.ifbaiano.edu.br/portal/discente20161/


Contato:
Estrada da Igara, s/n - Zona Rural
Senhor do Bonfim - BA
CEP 48970-000
Telefone:
(74) 3542-4000

ASCOM

EDUCAÇÃO: VER - SUS EM SENHOR DO BONFIM


O VER-SUS, Vivências e Estágios na Realidade do Sistema Único de Saúde, é um dispositivo de aprendizagem para estudantes universitários e militantes de movimentos sociais, que visa a formação de futuras/os profissionais engajadas/os ético-politicamente na defesa do SUS. O projeto VER-SUS no Vale do São Francisco está em sua 4º edição e esse ano trouxe como tema a Saúde das Populações do Campo, da Floresta e das Águas.


Em seu sexto dia de atividades (18 de janeiro), o VER-SUS no Vale teve como eixo temático a “Saúde da População Negra”. Para isso as/os participantes foram conhecer o município de Senhor do Bonfim, no norte baiano. A cidade foi escolhida, principalmente, por ter uma comunidade remanescente de quilombo, Tijuaçu, que abriga uma Unidade de Saúde da Família (USF) que está implantando a Política Nacional de Saúde Integral da População Negra. Além disso, o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) de Tijuaçu, e o Terreiro Tupoiaoo, localizado no Bonfim III, foram visitados.


As/os viventes iniciaram sua programação em um encontro com profissionais da Unidade de Saúde da Família de Tijuaçu, que é pioneira na implementação da Política Nacional de Saúde da População Negra, onde se discutiu o funcionamento da unidade e como ela atua a partir das características da população local, além dos principais desafios enfrentados por essas/es trabalhadoras/es no combate ao Racismo Institucional. Para ampliar a discussão, Eliana Sacramento, mestranda da UNEB, que desenvolve projeto sobre Educação Popular em Saúde em Tijuaçu, compartilhou as suas experiências.


Acompanhados por Agentes Comunitários de Saúde, as/os participantes puderam conhecer de perto o trabalho dessas/es profissionais, ver as características do território (conhecendo até comunidades criadas estrategicamente para defender o quilombo), e, principalmente, ter contato com a população local que mantém viva as suas tradições. Na visita ao CRAS, foi possível conhecer o trabalho realizado na assistência social e a sua interação com a equipe de saúde da família.


Ainda na Unidade de Saúde da Família, foi realizada uma intervenção artística por Alex, artista do município. As imagens grafitadas nas paredes do muro externo foram escolhidas a partir de sugestões apresentadas pelos membros da comunidade e da equipe de saúde da família, com o objetivo de reforçar a identidade histórica do povo de Tijuaçu e de colaborar para que a população se reconheça naquele espaço.



Durante a tarde, as/os viventes foram recebidas/os pelo presidente da Associação dos Povos de Terreiros de Senhor do Bonfim, Antônio Alves Sobrinho, que também é agente comunitário de saúde, no Terreiro Tupoiaoo. A visita também contou com a presença de profissionais da equipe de saúde da família do Bonfim III e proporcionou a compreensão da função do terreiro enquanto potencialidade para promoção de saúde no bairro, além de discussões sobre os impactos da intolerância religiosa na saúde, principalmente da população negra, e a importância da organização popular do povo negro contra as opressões que ainda são enfrentadas.


Ao fim do dia, o encerramento aconteceu com as mulheres do Samba de Lata de Tijuaçu. Após partilharem as raízes culturais de seu trabalho o grupo se apresentou com danças, cânticos e histórias de seus antepassados. Toda essa vivência contribuiu para que as/os participantes do projeto se sensibilizassem com as especificidades da saúde da população negra, além de reconhecerem a necessidade de lutar contra o Racismo Institucional, que ainda compromete o atendimento à saúde ao povo negro no nosso país.

Artur Alves da Silva